APORTE

Lume Robotics capta R$ 2,4 milhões

09/05/2022 12:47

Startup especializada em carros autônomos espera quadruplicar o faturamento em 2022.

Foto: Pexels

Tamanho da fonte: -A+A

A Lume Robotics, startup capixaba de solução de veículos autônomos, recebeu um aporte de R$ 2,4 milhões em rodada liderada pela empresa VIX Logística e pelo Seed4Science, fundo capital semente para negócios de base tecnológica.

Deste total, R$ 1,4 milhão veio da companhia de logística e R$ 1 milhão foi investido pelo fundo.

A Lume é uma startup de inteligência artificial, visão computacional e robótica autônoma fundada em 2019 por pesquisadores participantes do projeto Intelligent Autonomous Robotic Automobile (IARA) do Laboratório de Computação de Alto Desempenho (LCAD) da Universidade Federal do Espírito Santo (UFES), iniciado em 2009.

A empresa passou pelo processo de aceleração do Programa Centelha 1, do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI) e da Financiadora de Estudos e Projetos (Finep) em parceria com diversas instituições do setor.

Em janeiro de 2020, lançou o primeiro carro elétrico autônomo do Brasil para uso comercial e hoje tem Petrobras e a Vale entre seus principais clientes.

Atualmente, a startup está com um projeto de veículo autônomo de 16 eixos, da Kirow, para transporte de gusa líquido, sem operador, na Siderúrgica Ternium Brasil, e de uma carreta autônoma para transporte em áreas portuárias.

Os recursos do aporte serão utilizados para investir em tecnologia, focando na finalização do produto, na infraestrutura da empresa e no desenvolvimento da equipe.

Com faturamento de quase R$ 1 milhão em 2021, a expectativa é chegar aos R$ 4 milhões em 2022. 

Veja também

WIRELESS
QMC Telecom testa 5G em ambiente indoor

Local escolhido foi o Bossa Nova Mall, shopping integrado ao Aeroporto Santos Dumont.

MOVIMENTO
Raupp deixa a HP Inc

Executivo estava há 16 anos na companhia e desde 2015 no comando no Brasil.

AQUISIÇÃO
Delta energia compra BestDeal Technologies

A mineira é especializada em software para telecomunicações, energia e indústria.

BOMBOU
EDS vendeu R$ 147 milhões em nuvem

Ao todo, 70 órgãos do governo aderiram à licitação do ano passado.

CARREIRA
Sofist agora tem diretora de operações

Jeniffer Deus era gerente de testes da empresa há nove anos.

PESOU NO BOLSO
Ataque custou US$ 46,1 milhões à Atento

Incidente aconteceu em outubro do ano passado e também impacta projeções para 2022.