Marcia Breda, jornalista e editora do Adoro Home Office. Foto: Divulgação.

Vira e mexe alguém me pergunta: como faço para minha família entender meu formato de trabalho? Como deixo claro que não é porque estou em casa que estou disponível?

Eis que nessa semana uma leitora do blog me mandou uma mensagem perguntando: não tem um texto que eu possa mandar pra minha família, explicando o que é home office e dizendo como eles poderiam colaborar mais comigo? Eu não tinha, mas achei que seria ótimo se tivesse!

Então esse texto é para isso! Para você que trabalha em casa mandar para sua família (ou quem quer que seja que mora com você)!

 

10 dicas para lidar com alguém que faz com home office

01 – O principal: se alguém que mora com você trabalha em formato home office, quer dizer que ele está trabalhando de casa.

Ou seja, está em casa, mas trabalhando. Tem tarefas, deveres, prazos e precisa estar disponível para o trabalho assim como quem está no escritório. Tente sempre lembrar disso.

 

02 – Evite deduzir que a pessoa pode estar sempre livre e disponível para qualquer coisa só porque ela faz home office.

Na verdade, o que deve acontecer é o oposto disso. Pense que a pessoa está sempre ocupada.

 

03 – Combine com ela alguns sinais que vão indicar um momento de concentração que não pode ser interrompido.

Fones de ouvido geralmente são o melhor indicativo. Se tiver crianças em casa, algo mais lúdico como um objeto específico em cima da mesa ou pendurado na porta pode funcionar bem.

 

04 – Eventualmente será preciso fazer reuniões com vídeo ou ligações com viva voz.

Procure prestar atenção a esses momentos e evite ao máximo fazer barulhos. Se o home office fica em um espaço fechado, com porta, nunca entre sem bater ou falando alto. Lembre sempre que atrás daquela porta pode estar acontecendo uma reunião importante!

 

05 – Não, quem trabalha em casa não pode aproveitar o dia para: ir ao banco para você, fazer compras, limpar a casa, arrumar o chuveiro queimado.

Bom, a gente não precisa ser assim tão radical sempre, mas é o que geralmente funciona em um primeiro momento. É verdade que quem trabalha em casa pode ter mais flexibilidade de horário, começar a trabalhar mais cedo ou ter mais intervalo de almoço, mas isso é completamente diferente de ficar responsável por todas as tarefas da casa e externas.

 

06 – Entenda quais são as tarefas e horários de quem está trabalhando em casa e respeite ao máximo esses momentos.

Pra quem faz home office, horários também são importantes. Pense bem, não faz sentido alguém se atrasar para uma reunião em vídeo, certo?

 

07 – Quem trabalha em casa não é, obrigatoriamente, responsável pelas refeições!

Muitas vezes a pessoa está focada e quando vê, já é hora do almoço ou do jantar. Essa é uma tarefa que deve ser dividida entre todas as pessoas da casa, então a dica aqui é conversar e dividir essa missão.

 

08 – Evite interrupções.

Um bom filtro é pensar: se o fulano estivesse fora de casa trabalhando, eu pegaria o telefone e ligaria para ele para fazer essa pergunta? É algo que eu realmente não posso esperar uma ou duas horas? Bom, se a resposta for sim, então bata na porta ou faça um sinal pedindo para conversar. Se a resposta for não, espere até a pessoa circular pela casa.

 

09 – Aceite o não como resposta.

Acredite, trabalhar em casa pode trazer uma série de vantagens que quem faz home office não quer perder. Então, prazos e entregas são bem importantes. Se você pedir alguma coisa e a resposta for não, entenda. Provavelmente o trabalho está falando mais alto.

 

10 – Quem trabalha em casa não passa o dia inteiro no Facebook.

Acontece que a maioria das profissões que permitem que o trabalho seja feito em qualquer lugar são as que envolvem computador, celular e internet. Então sim, seu/sua filho/filha (troque aqui por qualquer pessoa que faça home office) pode passar o dia todo na frente do computador trabalhando! Seja compreensivo.

 

Feito! Essas são as principais dicas para conviver bem com quem faz home office! 

*Por Marcia Breda, jornalista e editora do Adoro Home Office, um blog que fala sobre home office, produtividade, decoração e novos modelos de trabalho. Esse artigo foi publicado originalmente no Adoro Home Office.