Alcatel terá cabo ligando Brasil e EUA. Foto: divulgação.

A Seaborn Networks e a Alcatel-Lucent iniciaram a construção de um sistema de conexão via cabo submarino para ligar suas redes de pontos do Estados Unidos até o Brasil.

O projeto, cujo investimento não foi aberto, envolve a instalação de um sistema de cabo submarino Seabras-1 entre os países. O Seabras-1 é um sistema de seis pares de fibra com capacidade inicial máxima por design de 60 terabits por segundo.

A solução da Alcatel-Lucent a ser implementada para este projeto inclui uma unidade submarina de capacidade de 100G integrada de cabo e repetidores de banda larga, equipamentos de alimentação de energia e seu terminal de linha submarina 1620 Light Manager.

Projetado para acomodar comprimentos de onda de 100G, o 1620 LM da Alcatel-Lucent permite uma atualização de capacidade contínua na rede flexível para espaçamento de canais sem interrupção de tráfego.

Como parte do contrato de modalidade turn key, a Alcatel-Lucent também será responsável pelo gerenciamento de projeto, design do sistema, instalação e comissionamento do sistema.

De acordo com a Alcatel-Lucent, o uso do Seabras-1 será um importante catalisador para a expansão da penetração da banda larga a preços acessíveis no Brasil e na região.

"O sistema irá suportar uma ampla variedade de serviços de comunicação global para consumidores e empresas em toda a América do Sul", declarou Philippe Dumont, presidente da Alcatel-Lucent Submarine Networks.