Software corporativo também vai lotar as nuvens em 2016. Foto: Flickr.com/godvivek

Tamanho da fonte: -A+A

De todo investimento feito pelas empresas em software, 14,6% estará em aplicações em nuvem em 2016, o equivalente a US$ 1 a cada US$ 6 destinados a pacotes de sistemas.

O dado consta na série de estudos IDC Market in a Minute, do IDC, que também revela que em quatro anos 17,6% do orçamento de software corporativo será para contratos na modalidade SaaS.

Conforme avaliação da consultoria, os investimentos em software como serviço e nuvem serão encabeçados por soluções de CRM, ERM (Enterprise Resource Management) e aplicações de colaboração.

Se as previsões fossem para hoje, a Intuit seria o fornecedor a se dar melhor, já que é o que mais vende este tipo de aplicações em nuvem, segundo o IDC.

A lista segue, em ordem, com Microsoft, Salesforce.com, Symantec e Cisco.