Luigi Botto, novo diretor da Clic Holding

A porto-alegrense Travel Explorer e a paulista Argo IT acabam de se unir para criar a Clic Holding, fornecedora de plataformas de gestão e venda de viagens.

Somando as bases das duas criadoras, a companhia já larga com quase mil agências, operadoras e clientes diretos atendidos, cerca de um milhão de passagens aéreas processadas por mês em mais de 12 países nas Américas e mais de cem colaboradores.

Dentro da nova holding, tanto Argo quanto Travel Explorer vão se manter focadas cada uma em sua especialidade: a primeira, em tecnologia para viagens de negócios, a segunda, em soluções para o segmento de turismo.

As empresas não divulgam faturamento, apenas a projeção de manter uma média de crescimento na casa dos 30% ao ano.

“Encerramos o primeiro semestre de 2012 com um crescimento de 41% acima do previsto no faturamento, além de um lucro operacional 55% maior que aquele que havia sido projetado”, diz Alberto Galbeno, diretor geral da Travel Explorer.

Já o diretor geral da Argo IT, Alexandre Arruda, destaca que, no primeiro semestre de 2012, a companhia ampliou a equipe, chegando a 35 funcionários, e cresceu 47% nos contratos e 48% no faturamento sobre os seis primeiros meses de 2011.

Na Clic Holding, as duas empresas fundadoras não revelam o percentual de participação de cada, mas a direção geral fica com Luigi Botto, sócio-diretor da Argo IT.

“Desde o final de 2011 estávamos articulando o negócio, mas só agora entendemos que o momento era favorável para estruturar uma nova governança corporativa e o crescimento vertical e sustentável das empresas controladas”, pontua Botto.

A oferta da nova empresa compreende soluções que atendem desde a gestão de projetos e desenvolvimento de ferramentas baseadas em plataforma web para a indústria de viagens corporativas, provida pela Argo, até serviços e produtos para agências de viagens, operadoras de turismo e fornecedores de conteúdo, da Travel.

No portfólio da Argo, a estrela é o Travel Management System (TMS), software de gerenciamento de viagens e eventos por meio de fluxos e de processos de trabalho (workflow).

A plataforma permite comparar online tarifas, realizar self booking (o usuário mesmo faz sua reserva) e o self ticketing (emissão do bilhete eletrônico pelo próprio usuário).

Distribuído pelo modelo SaaS (Software as a service), no TMS além permite mecanismos de busca e operação para conteúdos (aéreo, carro, hotel, entre outros) de maneira remota.

A Travel Explorer, por sua vez, oferece o TravelSuiteB2C, sistema de gestão de conteúdo para venda online de produtos turísticos.

Estima-se que cerca de 15 milhões de pesquisas online, só para passagens aéreas, passem pelos servidores da Clic Holding já no primeiro ano.

Segundo Botto, as empresas do grupo possuem operações diretas e indiretas em diversos países das Américas, o que põe na estratégia o plano para conquistar novos clientes em mercados como Argentina, Bolívia, Uruguai, Paraguai, Chile, Venezuela, México, Republica Dominicana, Porto Rico, Panamá, Estados Unidos, Peru e Costa Rica.