QR CODE

Linx terá pagamento via PicPay

10/01/2020 15:44

Objetivo é impulsionar a opção entre os varejistas.

QR Linx já está integrado com Ame Digital e Mercado Pago. Foto: divulgação.

Tamanho da fonte: -A+A

A Linx, líder em software de gestão para o varejo, vai oferecer aos clientes a opção de pagamento via QR Code integrada ao aplicativo PicPay, um dos maiores do segmento.

Começando agora em janeiro, a opção estará disponível em mais de 100 mil estabelecimentos que operam o sistema Linx.

No caixa, o varejista deixará à mostra apenas um QR Code, que poderá ser pago em diferentes plataformas, como o PicPay e outras carteiras digitais como o Ame Digital, da Americanas.com, e Mercado Pago, do Mercado Livre, que já faziam parte da plataforma da Linx.

"Com o QR Linx, vamos impulsionar o uso dos pagamentos via wallet no mercado", afirma Denis Piovezan, vice-presidente da Linx Pay Hub, fintech da Linx.

Para a empresa, o momento contribui para escalar a aceitação do QR Code, uma vez que a tecnologia reduz o número de intermediários e os custos das transações. 

"O pagamento feito via QR Code traz inovação para o varejo e atende a três anseios dos consumidores: segurança, facilidade de uso e rapidez. Essa tecnologia também democratiza o acesso ao consumo, já que, para utilizar o nosso aplicativo, não é preciso ter conta bancária ou cartão de plástico", afirma Elvis Tinti, diretor comercial do PicPay.

O tipo de pagamento, assunto que já estava em alta no ano passado, deve ganhar força em 2020.

De acordo com uma pesquisa da Sociedade Brasileira de Varejo e Consumo (SBVC) e da AGP Pesquisas, 82% dos varejistas brasileiros pretendem adotar aplicativos e serviços de QR Code como meios de pagamento neste ano.

Em dezembro, o Sicoob, sistema formado por cooperativas de crédito, anunciou o lançamento de pagamento via QR Code para o primeiro semestre de 2020.

No mesmo mês, o Banco Original lançou o saque via QR Code, com o uso do aplicativo e retirada do dinheiro nos caixas eletrônicos do Banco24Horas.

Já o Itaú lançou em maio o Iti, aplicativo de pagamento via QR Code que dispensa o uso de máquina e cartão físico.

Criado em 2012, o PicPay é pioneiro no uso do código para movimentações financeiras no país e já ultrapassou a marca 13 milhões de usuários com 3,5 milhões de transações do gênero.

A Linx é uma empresa brasileira com 42,2% do mercado de software de gestão para o varejo. Com capital aberto na B3 desde 2013, ela também se tornou a primeira empresa brasileira de software com capital aberto na NYSE, em 2019. 

A companhia possui mais de 3,5 mil colaboradores distribuídos entre sua sede em São Paulo, 15 filiais pelo Brasil e cinco países da América.

Veja também

2020
Sicoob terá pagamento com QR Code

Solução foi desenvolvida internamente com base da EMV.

QR CODE
Banco Original tem saque por aplicativo

Dinheiro poderá ser retirado nos terminais do Banco24Horas.

TENDÊNCIA
Por que as redes Blockchain vão revolucionar as relações corporativas

O principal atrativo nas redes Blockchain são os contratos inteligentes.

TRABALHO
Alpargatas tem app de check-in de colaboradores

Aplicativo serve para os colegas se acharem em novo escritório sem posições fixas. 

EXPERIÊNCIA
Agibank testa novo aplicativo

Banco digital quer melhorar navegabilidade e atingir diferentes públicos.

TENDÊNCIA
​Natura testa rastreabilidade com blockchain

A iniciativa é desenvolvida com a SAP a partir de um programa de coinovação iniciado em 2017.

DELIVERY
iFood: pagamento online com cartões refeição

Clientes com cartões VR, Sodexo e Alelo podem utilizar essa forma de pagamento.

VAREJO
Pão de Açúcar digitalizará loja física com Microsoft

A Minuto Pão de Açúcar receberá sensores capazes de interagir com plataformas digitais, além de novos recursos tecnológicos.

TENDÊNCIA
Banco Safra lança carteira digital

Para usar o serviço não é necessário ser cliente do Banco Safra

TENDÊNCIA
Pagamentos instantâneos no Brasil: vantagens e desafios

Nos últimos anos, com a revolução tecnológica, o panorama vem se transformado rapidamente.