BUSCA AMAZON

Drone despeja cocaína em presídio

10/03/2014 10:24

A entrega foi feita na sexta, quando presos correram para o pátio para pegar o pacote.

Traficantes estão à frente nas entregas. Foto: flickr.com/photos/mk-creatures.

Tamanho da fonte: -A+A

Parece que o tráfico no Brasil saiu à frente da Amazon e já atende seus consumidores com drones.

Um mini-helicóptero despejou uma carga de 250 gramas de cocaína no pátio do Centro de Detenção Provisória 1 (CDP) de São José dos Campos, cidade há 91 km da capital paulista. 

A entrega foi feita na sexta-feira, 7, por volta das 10h20min, quando presos correram para o pátio para pegar o pacote. 

Agentes penitenciários visualizaram o drone, apreenderam a mercadoria e a enviaram para perícia no Instituto de Criminalística. 

A corregedoria dos presídios e a Polícia Civil investigam para descobrir quem teria feito a encomenda e quem controlou o equipamento à distância.

Pombos também já foram usados para entregar celulares a detentos. 

Em dezembro, a Amazon iniciou testes para realizar entregas com mini-helicópteros, por meio do projeto Prime Air. No entanto, para os clientes, a tecnologia estará disponível daqui a quatro ou cinco anos. 

Veja também

VOANDO ALTO
Grupo da IFSC cria plataforma de drones

Instituto Federal de Santa Catarina traça desafio para inovar em Veículos Aéreos Não Tripulados (VANTs).

NOVO APORTE
3D Robotics: US$ 30 mi para bombar drones

Empresa recebeu aporte para tocar os planos comerciais para veículos aéreos não tripulados (VANTs).

DEFESA AÉREA
Embraer e AEL se unem pelos VANTs

Cade aprovou parceria entre as duas empresas, Avibras e Elbit para o desenvolvimento de veículos aéreos não tripulados.

MÃO ROBÓTICA
Catarinense ganha prêmio em concurso da Intel

Kevin Guimarães recebeu a premiação por desenvolver um braço que se move com os sensores do Kinect.

PRIME AIR
Amazon: drones para entregar pedidos

Tecnologia que entrega pedidos em até 30 minutos vai ser testado pela varejista nos EUA.