A e-Construmarket fornece o Construmanager, para gestão de obras e projetos. Foto: Dmytro Zinkevych/Shutterstock.

A Invest Tech, gestora de fundos de Venture Capital e Private Equity para o mercado de tecnologia da informação e comunicações (TIC), realizou um aporte na e-Construmarket. O investimento foi feito por meio do fundo Capital Tech II, que tem capital comprometido de R$ 209 milhões.

A e-Construmarket trabalha com o Construmanager, plataforma colaborativa para gestão de obras e projetos, e com portais de conteúdo, relacionamento e comércio eletrônico.

A Construmanager conta com mais de 10 mil usuários em mais de 2,5 mil empresas, incluindo construtoras, incorporadoras, empresas de projetos, bancos, indústrias, hospitais e redes de varejo.

O sistema foi utilizado para projetar e gerir mais de 10 mil obras, como a transposição do Rio São Francisco, o Parque Olímpico, o Plano de expansão Indústrias Votorantim, entre outros.

Entre os clientes da ferramenta estão Andrade Gutierrez, Cassol, Cemig, Grupo JMalucelli, OAS e Tok&Stok.

Na área de portais de conteúdo, relacionamento e comércio eletrônico, a empresa é responsável por AECweb, Galeria da Arquitetura e Portal dos Equipamentos.

Além de oferecer conteúdo técnico e notícias sobre o setor, os portais se dedicam a aproximar fornecedores e clientes da cadeia da construção formando um marketplace de colaboração e negócios do setor.

Mais de 25 mil construtoras e empresas de projeto, 15 mil fornecedores de materiais e serviços e mais de 200 mil arquitetos, engenheiros e construtores utilizam os portais para buscar produtos, fornecedores, referências e soluções para os seus projetos.

A empresa conta ainda com uma plataforma de inteligência de mercado sobre projetos de arquitetura e construção de obras residenciais, industriais, de edificação e infraestrutura que estão acontecendo por todo o Brasil, que disponibiliza aos usuários um mapa online da construção civil no país.

Com a entrada da Invest Tech, a e-Construmarket ganha força na oferta de serviços online para ao setor de construção civil e buscará expandir sua atuação para todas as regiões do Brasil, além de ampliar e seu portfólio com novas soluções e aquisição de outras empresas do ramo. 

“Vimos na Invest Tech mais do que um parceiro financeiro, mas sobretudo uma aliança estratégica, pois os especialistas da gestora conhecem nosso mercado e trazem em seu DNA a veia do empreendedorismo e seus desafios”, diz o sócio fundador da e-Construmarket, Jorge Rocha.

Rocha tem 36 anos de experiência na área de construção e fundou a empresa há 10 anos. Antes, de 1984 a 1995, foi diretor de Operações da CONSID Pré-fabricados. Depois, foi diretor executivo da Twiltex Industrias Têxteis.

O Capital Tech II é o segundo Fundo de Investimento em Participações (FIP) da Invest Tech. Com capital comprometido de R$ 209 milhões, o fundo tem como foco empresas inovadoras do setor de TIC com faturamento entre R$ 5 milhões e R$ 200 milhões no ano.

O capital do fundo foi obtido a partir de investidores internacionais, como Corporación Andina de Fomento (CAF) e Grupo Telefónica, além de FUNCEF, FINEP e BNDES, e recursos da própria gestora.

A Invest Tech realiza, desde 2008, a gestão do Capital Tech I, fundo de participações de R$ 31,4 milhões voltado para empresas médias com atuação nos segmentos de saúde, tecnologia limpa e tecnologia da informação, com investimentos do BNDESpar, FINEP, FUNCEF, BID e pessoas físicas.