Fabio Lia, diretor de alianças para a América Latina da Wolters Kluwer. Foto: Divulgação.

A Salux, empresa brasileira que fornece ferramentas de sistema de gestão hospitalar, acaba de firmar uma parceria com a Wolters Kluwer.

Os recursos de suporte a decisões clínicas UpToDate e UpToDate Anywhere e os sistemas de suporte à decisão de prescrição de medicamentos Lexicomp e Medi-Span, da Wolters Kluwer, passarão a ser acessados diretamente na solução de prontuário eletrônico da Salux.

“É cada vez mais importante garantir o acesso a uma base consistente de informações, proporcionando, desta forma, mais segurança ao paciente e reduzindo as chances de decisões terapêuticas desatualizadas”, ressalta Fabio Lia, diretor de alianças estratégicas de efetividade clínica para a América Latina da Wolters Kluwer.

Ao ingressar em uma plataforma de decisão clínica partir do próprio PEP, a equipe clínica terá acesso a mais de 9,7 mil recomendações e 24 especialidades médicas disponíveis no UpToDate.

O conteúdo relacionado a medicamentos disponibilizado pelo Lexicomp, que suporta as decisões relacionadas às prescrições também serão integrados. Além disso, através do Medi-Span, serão enviados alertas automáticos sobre medicamentos, potenciais interações medicamentosas, duplicidade de terapias, erros de dosagem e contraindicações.

“Esta parceria agrega enormes benefícios aos recursos assistenciais do prontuário eletrônico Salux, criando barreiras para os erros de medicação, viabilizando o uso eficiente de protocolos clínicos validados mundialmente, além ajudar a salvar vidas e reduzir custos da assistência, através de maior assertividade e eficácia no cuidado”, reforça Fabricio Avini, CEO da Salux.

A Salux é uma empresa portoalegrense desenvolvedora de software para saúde, com clientes distribuídos em todas as regiões do país. 

A Wolters Kluwer reportou uma receita anual em 2016 de € 4,3 bilhões. A companhia, sediada em Alphen aan den Rijn, na Holanda, atende clientes em mais de 180 países, mantém operações em 40 países e emprega mais de 19 mil pessoas em todo o mundo.