Muitas dívidas, hein? Foto: flickr.com/photos/29278394@N00/

Tamanho da fonte: -A+A

A JBS adquiriu a Seara, sua divisão de aves, suínos e alimentos processados da Marfrig, por R$ 5,85 bilhões.

Com o negócio, a JBS se aproxima da Brasil Foods, dona das marcas Sadia e Perdigão.

A operação será feita através da transferência de dívidas da Marfrig, hoje no valor de  R$ 13 bilhões. Não que a JBS não esteja endividada: deve R$ 15,7 bilhões.

A JBS tem feito esforços para crescer na área de aves. No ano passado, arrendou (com opção de compra) as unidades da francesa Doux Frangosul.

A venda inclui ainda uma participação de 51% na indústria de couros Zenda, do Uruguai, adquirida pela Marfrig por US$ 49,5 milhões em 2009.

O mercado não aprovou a compra da JBS. As ações caíram 5%após a abertura do pregão da BM&FBovespa. As ações da Marfrig, que diminuiu um terço do tamanho e encerrou seu endividamento bancário, subiram 12%.

Em 2012, a JBS registrou receita líquida de R$ 76 bilhões, um aumento de 22,5% em relação ao ano anterior. As aquisições devem agregar um faturamento anual de R$ 10 bilhões.