David Scott. Foto: Baguete.

Mergulhando de cabeça em um mercado pouco explorado pelas grandes de storage, a HP anunciou mudanças em sua estratégia de produtos com o lançamento do HP 3Par StoreServ 7450, sistema de armazenamento 100% flash.

Com o anúncio, realizado durante o HP Discover 2014, em Las Vegas, a fabricante quer levar a tecnologia all-flash para sistemas de grande infraestrutura e performance, rivalizando com líderes como EMC,que até então só usaram flash em estruturas híbridas.

Além disso, a gigante quer bater de frente com startups dedicadas a storage 100% flash como Skyera.

Segundo David Scott, vice-presidente e gerente da HP Storage, o carro-chefe para atrair o mercado para a novidade, que foi originalmente apresentada em 2013, foi reduzir o custo por gigabyte para uma faixa inferior a US$ 2.

"Chegamos a uma faixa de preço e um nível de performance que bate sistemas de armazenamento híbridos de alta-performance como EMC VNX e Vmax, que usam HDD e SSD em estruturas com diferentes níveis", destacou o VP.

Sem medo de apontar o dedo para a concorrência, o executivo também citou eficiência em espaço. Segundo Woods, um EMC VMax com 250TB de capacidade consumiria três racks de um datacenter, enquanto o HP 7450 ocupa 18cm de espaço em um rack, com oito vezes menos consumo energético.

Para alguns analistas, a aposta da HP no sucesso de estruturas all-flash abre um novo precedente para o mercado, principalmente entre as grandes fabricantes.

"O custo reduzido do flash, combinado com a velocidade que bate qualquer HDD, pode resultar em um futuro com data centers totalmente em memórias de estado sólido. Até dois anos atrás, isso parecia improvável", destacou o analista Arun Taneja, do Taneja Group, especializado em storage.

De acordo com a HP, a aposta em memória de estado sólido também tem forte ligação com tecnologias de parceiros, como a firmada recentemente com a SAP, em que a empresa lançou um ambiente de otimizado para SAP Hana.

"Esta é uma reação para o problema de 'como analiso todos estes dados?'. SAP Hana é uma tecnologia brilhante para isso, e trabalhamos na otimização de nossos sistemas convergentes para isso", destacou Clive Freeman, chefe de tecnologia da HP Enterprise Group.

No entanto, perguntado se o sucesso do all-flash representará a queda dos HDDs tradicionais, Woods destacou que todas a tecnologias terão seu espaço, variando usos e orçamentos.

"Existem os sistemas de alta capacidade que funcionarão bem próximos aos servidores, mas o espectro do storage varia destes sistemas até o armazenamento de dados frios como, por exemplo, suas fotos do Facebook", explica.

* Leandro Souza viajou para Las Vegas a convite da HP.