O plano da GRCT é atender com wi-fi às 395 linhas, com uma frota total de 3 mil ônibus. Foto: Divulgação.

O Grande Recife Consórcio de Transporte (GRCT), empresa pública que gerencia o sistema de transporte público na região metropolitana de Recife, está em processo de elaboração de um edital de licitação para ofertar o serviço de internet gratuita para todo o sistema de ônibus.

A previsão é de o edital que seja lançado até o fim do ano. O plano é atender às 395 linhas, com uma frota total de 3 mil ônibus para receber a wi-fi. 

Hoje, há um projeto funcionando como teste em 115 ônibus, de 14 linhas diferentes. O plano é de que o novo edital garanta o fornecimento do serviço via permuta para uso de espaço publicitário nos ônibus, sem gerar custos para o governo ou os passageiros.

O Convergência Digital relata que, pelo sistema já em funcionamento, a ideia é ter conexões em 4G nos coletivos. O sistema permite conexões simultâneas de até 60 pessoas, mas não com taxa de transferência suficiente para downloads.

Ações como assistir à vídeos não são permitidas, com o uso do wi-fi indicado para redes sociais e apps de mensagens.

Hoje, a MobiBrasil, que opera linhas de ônibus em Recife, investe R$ 37,8 mil por ano no projeto. Por mês, são R$ 70 pagos por veículo, segundo o Jornal do Comércio.

O consórcio investe para fidelizar os passageiros, mas também para somar pontos na avaliação do serviço oferecido, que se reverte na remuneração que a empresa recebe. Mas a navegação na wi-fi gratuita nos ônibus não é totalmente livre.