Cinco veículos foram disponibilizados para uso compartilhado dos funcionários. Foto: divulgação.

O Sistema Federação das Indústrias do Paraná (Fiep) disponibilizou dois veículos Renault Zoe 100% elétricos, um Kwid, um Sandero e um Captur Bose, para uso compartilhado dos seus funcionários. 

Gerenciado por meio do sistema Renault Mobility, utilizado em diversos projetos da marca pelo mundo, o carsharing opera no modelo de estações.

Nelas, os funcionários retiram e devolvem os veículos em locais determinados e podem fazer livre uso dos automóveis durante o período de reserva. 

Por meio do aplicativo, é possível visualizar a disponibilidade dos veículos e fazer a reserva. O tempo de utilização dos carros é livre, podendo variar desde minutos até dias, em qualquer dia da semana.

Inicialmente, o projeto possui duas bases e o Sistema Fiep conta com um eletroposto com garagem fotovoltaica para a recarga dos elétricos.

Com o sistema de carsharing utilizado internamente na Renault desde 2018, agora a companhia passou a oferecer este tipo de solução para empresas que têm interesse em implementá-lo no formato B2B. 

“Queremos ser referência em projetos de mobilidade sustentável no país. Esta parceria com o Sistema Fiep é mais uma iniciativa importante para facilitar a vida dos colaboradores e difundir a solução de carsharing”, afirma Ricardo Gondo, presidente da Renault do Brasil.

Para a Fiep, o projeto vai além de oferecer um benefício aos colaboradores, sendo importante para os esforços de pesquisa em mobilidade que a entidade vem desenvolvendo. 

“O Sistema Fiep vem se dedicando a pesquisas em áreas inovadoras, como inteligência artificial e ciência de dados. Com o Renault Mobility, pretendemos avançar ainda mais também nos estudos sobre mobilidade inteligente e sustentável”, afirma Carlos Valter Martins Pedro, presidente do Sistema Fiep.

As pesquisas que a Fiep promove têm foco em produtos e processos para a indústria automotiva, como é o caso de baterias, sensores eletroquímicos, tintas inteligentes e revestimentos industriais.

Em 2018, o Sistema inaugurou o Centro de Mobilidade Sustentável e Inteligente para acelerar o desenvolvimento de competências para os profissionais das indústrias.

No ano seguinte, a Renault inaugurou um espaço Renault Lab em uma das unidades do Sistema Fiep, em Curitiba. 

Segundo a empresa, o local tem foco no desenvolvimento de tecnologias voltadas à mobilidade sustentável, com ênfase em veículos elétricos. Ele opera conectando profissionais, empresas, investidores e universidades.

A Renault concluiu 2019 como líder do mercado de veículos 100% elétricos no Brasil, tendo comercializado mais de 100 unidades no último ano. Ao todo, já são mais de 300 carros circulando pelo país.

Os modelos foram vendidos a clientes finais ou estão presentes em projetos de mobilidade e na frota de empresas e instituições como Itaipu, FedEx, MRV Engenharia, Companhia Paulista de Luz e Força (CPFL), Grupo TPC, Beep Beep e Graphus.

No mundo, são quase 8 mil elétricos da marca sendo compartilhados em cidades como Madrid e Paris.

Montadora de automóveis desde 1898, o Grupo Renault tem sede na França e está presente em 134 países, tendo vendido quase 3,8 milhões de veículos em 2019. 

O Grupo emprega atualmente mais de 180 mil colaboradores, tem 40 unidades industriais e 12,7 mil pontos de venda espalhados pelo mundo.         

Com sede em Curitiba, o Sistema Fiep é composto pela Fiep, Sesi, Senai e IEL, sendo uma das 27 federações de indústrias ligadas à Confederação Nacional da Indústria (CNI).