Andréia Rengel assumirá, em 2019, o posto de presidente da AMcom. Foto: Divulgação.

A AMcom, companhia de Blumenau especializada em desenvolvimento customizado, sustentação de sistemas, consultoria e alocação de profissionais, promove Andréia Rengel ao posto de presidente. 

A executiva assume a posição em janeiro de 2019 no lugar do fundador da empresa, Marcelo Furtado, que passa a atuar no conselho consultivo.

O movimento faz parte de um plano de sucessão iniciado há dois anos pela companhia. 

Furtado comandou a empresa ao longo de quase 22 anos e, em 2019, assumirá a posição de conselheiro. No novo cargo, irá trabalhar na estratégia de crescimento inorgânico da AMcom e, consequentemente, focar no alcance dos objetivos para 2029.

Como presidente, Andréia terá como responsabilidade conduzir a operação da empresa, além de focar nas estratégias de crescimento de curto e longo prazos, que têm como projeção faturar R$ 100 milhões em 2020 (o dobro do faturamento registrado em 2017). Para 2029, o objetivo é alcançar R$ 1 bilhão.

Desde 2007 atuando na AMcom, Andréia assumiu no início deste ano a vice-presidência da empresa. Formada em Administração em Marketing, Andréia conta com especialização em Gestão Estratégica Empresarial e em Gestão Comercial e Vendas. Ela ainda cursou o Internacional Quality Service, na Disney Institute.

Em junho, a AMcom inaugurou uma nova sede, que contou com investimento de R$ 5 milhões.

Com 4 mil metros quadrados construídos, além de 8 mil metros disponíveis para ampliação, a sede tem capacidade hoje para 400 colaboradores. Por enquanto, 220 pessoas ocupam o espaço. Somados outros profissionais alocados em clientes, a companhia tem cerca de 300 funcionários.

A AMcom tem 21 anos de mercado e atende a nomes como Bunge, Brandili, Cecred, Dudalina, Embraco, Hering, Infraero, Philips, Jequiti Cosméticos, Tigre e Senac. A companhia tem 200 clientes ativos.