Foto: Surber / Flickr

A Siemens Enterprise fechou sua fábrica brasileira, localizada em Curitiba, na qual fabricava telefones IP e equipamentos de rede desde 2008, além de abrigar um de seus centros globais de P&D e seu centro de logística para América Latina.

Conforme comunicado divulgado pela companhia na sexta-feira, 08, somente as operações de manufatura serão encerradas, em fases graduais, com conclusão no fim deste ano.

O material não informa o número de colaboradores da unidade nem define quantas demissões vão ocorrer, mas rumores de mercado mencionam algo ao redor de 470 pessoas.

A empresa explica que irá encerrar a produção graduamente até dezembro, quando a unidade será finalmente fechada.

Em 2008 a Siemens anunciou investimento de US$ 5 milhões na operação curitibana para início da produção de telefones IP, com meta de entregar 60% ao mercado brasileiro e o restante à América Latina.

Em outubro daquele ano, o The Gores Group comprou 51% do controle acionário da Siemens Enterprise Communications, em uma transação que se dividiu com acionistas como a Enterasys, especializada em segurança e equipamentos de rede, e a SER Solutions, de sistemas para contact center.