A Bematech alcançou novo recorde de receita em 2014, registrando R$ 425,6 milhões. Foto: Baguete.

A Bematech, provedora de soluções de tecnologia para o varejo, food service e hospitality, registrou R$ 425,6 milhões de receita líquida em 2014, valor 16,5% superior ao resultado do ano anterior.  

O EBITDA no ano avançou para R$ 88,2 milhões, valor 18,3% acima do registrado em 2013.

A companhia atingiu R$ 179,8 milhões de lucro bruto, contra R$ 143,6 milhões em 2013 – evolução de 25,2%. 

Ao longo de 2014 os investimentos da companhia totalizaram R$ 17 milhões, correspondendo a 4% da receita líquida total, valor 6,9% superior ao registrado em 2013. Desse montante, 67% destinou-se ao desenvolvimento de novos produtos e 33% aos ativos para manutenção das operações.

O ano teve sua sazonalidade afetada pela Copa do Mundo. Diferentemente do tradicional – no qual o primeiro semestre é mais fraco para o varejo e o segundo semestre mais aquecimento dado a preparação para o final do ano – 2014 registrou um pico no primeiro trimestre, com evoluções mais amenas ao longo dos demais períodos.

“O ano de 2014 foi extremamente produtivo. A venda integrada de hardware, software e serviços atrelada ao sistema de meios de pagamento, tem impactado positivamente a evolução dos negócios da Bematech. Para que isso fosse possível, mudamos a estrutura organizacional da companhia no início do ano, fortalecendo a especialização nas verticais nas quais atuamos”, afirma Cleber Morais, presidente da Bematech. 

Ao longo de 2014, a Bematech adquiriu a RJ Participações e a UNUM. 

“A RJ obteve o melhor resultado da sua história e a UNUM colocou a Bematech em um novo patamar tecnológico, nos permitindo entrar em novos mercados, conquistar novos clientes e iniciar um processo de padronização dos sistemas de back-office de nossas verticais, que resultará em vantagens competitivas e redução de custo”, comenta Morais