Rubens Carbonari, diretor regional da Prosegur.

A Prosegur é a primeira empresa do Brasil a implantar a solução, que além de atender as normas de Compliance Fiscal, também contribuirá para poupar o uso de toneladas de papel

A Prosegur acaba de aderir à Guia Eletrônico de Transporte de Valores (GTV-e), em um projeto com consultoria da NDD, especialista em processamento de documentos fiscais.

A GTV-e é o último de uma longa sequência de documentos fiscais digitais introduzidos desde 2005, quando começou o projeto da Nota Fiscal Eletrônica.

O projeto piloto da Prosegur, foi colocado na rua no dia 1º de dezembro de 2020, em Florianópolis e em Campina Grande. Com resultados satisfatórios, foi possível implantar a GTV-e a nível nacional, já no início deste ano. 

Segundo Rubens Carbonari, diretor regional da Prosegur, há poucos meses utilizando a solução nos processos operacionais, com 2% do volume total previsto, já foi possível observar a facilidade e disponibilidade de acesso às informações em tempo real.

“Isso já é um ganho enorme para os processos administrativos e principalmente para os clientes que também recebem e acessam as informações online. Outro ganho muito importante é a facilidade para nossa equipe em campo, tornou a execução do serviço muito mais prática e confiável” complementa Carbonari.

Do ponto de vista da sustentabilidade, com 1,7 mil carros-forte nas ruas, a Prosegur Cash soma mais de 600 mil transações realizadas por mês. Com a GVT-e, a empresa calcula que no prazo de um ano deixará de imprimir 28,8 milhões de folhas sulfite. 

A Guia de Transporte de Valores impresso, é um documento em papel emitido para fins fiscais pelas empresas de transportes de valores contribuintes do ICMS. 

Em seu formato eletrônico, esses documentos passam a ser emitidos e armazenados eletronicamente, eliminando por completo o uso de papel nas operações, além de facilitarem a validação jurídica, garantida pela assinatura digital do eminente.

A NDD oferece soluções para gerenciar documentos fiscais, realizar gestão de frete e transportes, além de provedores de outsourcing de impressão que demandam inteligência para gestão. 

Por ano, são processados 1,2 bilhão de documentos fiscais eletrônicos; e somente em 2020, mais de 9,6 bilhões de páginas impressas e bilhetadas passaram pelas soluções de gestão de impressão da NDD. 

Dentre os clientes, estão grandes empresas como C&A, Havan, Avon, Ipiranga, Sada, Simpress e Tecnoset.