A Villani Topografia e Irrigação decidiu pela implementação do software de gestão da Totvs. Foto: Reprodução.

A Villani Topografia e Irrigação, especializada em projetos de irrigação, licenciamentos ambientais, topografia e distribuição de máquinas e componentes para irrigação, decidiu pela implementação do software de gestão da Totvs. 

Sediada em Panambi, no Rio Grande do Sul, a companhia tem mais de 20 anos de atuação no mercado. Além da implementação do ERP, com previsão de Go Live em 2017, o intuito é incluir no projeto o Fluig, plataforma de produtividade e colaboração da Totvs. 

Com forte atuação no território gaúcho e presença em estados com tradição rural, como Goiás, Mato Grosso e Santa Catarina, a Villani inaugurará a sua segunda loja, na cidade de Cruz Alta. 

Com a expansão, a meta é manter os negócios da companhia e otimizar os resultados para a prospecção de novos clientes em um futuro próximo. 

“Como atuamos em diversas frentes, como engenharia, projetos, venda e assistência técnica, a gestão dos nossos negócios torna-se complexa, com muitas variantes. Agora, com o apoio do software da Totvs, teremos uma visão ampla de nossas ações, que ficam mais seguras e garantem resultados efetivos”, contextualiza o diretor operacional da Villani, Tiago Villani. 

O projeto inclui a implantação da solução de Field Service, módulo relativo ao gerenciamento de serviços de manutenção e consertos.

A tecnologia terá influência direta no trabalho da companhia, contemplando todos os pontos do plano de irrigação agrícola, desde a avaliação topográfica, passando pelo projeto, venda de máquinas, e abrangendo, também, a instalação e assistência técnica. 

“Para cada projeto, temos que buscar tipos específicos de licenças, por isso é fundamental que façamos tudo da maneira mais assertiva possível para estarmos de acordo com as exigências do setor. Com o sistema, todas as etapas serão integradas e seguirão um padrão de acordo com as regras dos órgãos liberatórios”, explica Villani.

Com o plano de abertura de novas lojas, outra meta da Villani é aprimorar a comunicação com os clientes, demanda que será atendida com o uso do fluig. Além do controle financeiro, a companhia contará com uma comunicação ágil e completa, chegando à ponta, na percepção direta dos clientes. 

Atualmente, o Fluig conta com 600 mil usuários em 700 empresas. A grande maioria, em torno de 80%, é cliente da base Totvs.

A Totvs fechou o ano passado com uma receita líquida de R$ 2,2 bilhões, uma alta de 3% frente aos resultados de 2014.