A Riachuelo adotou a solução Arquivei para gerenciar suas notas fiscais. Foto: Divulgação.

A Riachuelo, uma das maiores redes de lojas de departamento do Brasil, adotou a solução Arquivei para gerenciar suas notas fiscais.

Antes da adoção, o maior problema para a empresa era saber quais notas haviam sido recebidas dos fornecedores e mantê-las sempre à mão.

"Nem todas as notas chegavam até nós, corríamos atrás da informação para realizar as escriturações", afirma Cláudia Fernandes, gerente contábil da Riachuelo.

Em agosto de 2016, a Riachuelo começou a utilizar a Arquivei para testes, inserindo informações de toda a rede de lojas no banco de dados da solução. 

Após os testes, a rede começou a utilizar oficialmente o sistema no final do ano passado.

"Fazemos uso de diversos módulos da plataforma, como, por exemplo, a ferramenta de Conhecimento de Transporte, que facilita o registro desses documentos e permite que a Riachuelo saiba onde as cargas dos fornecedores estão", conta Fernandes.

Outras funções utilizadas pela Riachuelo são o download automático de XML, controle de devoluções, relatório avançado de notas fiscais e relatório SPED.

"Com o Arquivei, nós conseguimos conferir todas as notas que temos e, eventualmente, fazer a requisição de alguma que esteja faltando. A ferramenta é bem simples, intuitiva e com ela estamos melhorando alguns processos internos", explica a gerente contábil.

Antigamente, todas as questões relacionadas a notas fiscais eram feitas com o material físico, o que gerava uma grande carga de trabalho. Hoje, a economia de tempo chega a mais de 15 vezes. No total, a Riachuelo lida com cerca de 300 lotes de nota fiscal, com cerca de 1 mil notas em cada um, além dos mais de 3 milhões de cupons fiscais emitidos nas lojas.

"Demorávamos cerca de um minuto para analisar cada nota. Agora, demoramos cerca de 3 minutos para analisar um lote todo. Podemos monitorar todo nosso processo fiscal, do início ao fim das transações", destaca Fernandes.

O Arquivei também serve como banco de dados para a Riachuelo, em que toda a área contábil consegue fazer levantamento de dados para diversas necessidade.

A Guararapes, controladora da varejista de moda Riachuelo, reportou um lucro líquido de R$ 252,4 milhões no quarto trimestre de 2016, um aumento de 59,1% comparado ao mesmo intervalo de 2015. A receita líquida da companhia avançou 5,1% no quarto trimestre, para R$ 1,85 bilhão.