Homem de Ferro é o garoto propaganda do Exadata.

A Oracle anunciou nesta terça-feira, 11, durante o Oracle Cloud World em São Paulo, o lançamento do Oracle Exadata Database Machine X4.

A quinta geração de equipamentos para banco de dados oferece 88TB de dados dos usuários em Flash em um único rack, o que, de acordo com a multinacional é suficiente para manter a grande maioria dos bancos de dados OLTP inteiramente na memória flash.

As taxas aleatórias de I/O (entradas/saídas) do novo Oracle Exadata, cruciais para aplicativos OLTP, foram melhoradas em quase 100%, chegando a 2,66 milhões de leituras de banco de dados de 8K e 1,96 milhões de gravações, mesmo com a compactação total de flash ativada.

A taxa de transferência de dados de um Oracle Exadata de um único rack é de 100 GB/segundos, o que excede o rendimento de matrizes totalmente em flash, mantendo a economia da hierarquização de disco.

O hardware aprimorado do Oracle Exadata é totalmente compatível e capaz de funcionar em conjunto com versões anteriores do Oracle Exadata Database Machine, permitindo que os clientes com versões anteriores possam expandir facilmente para a versão mais recente do sistema.

Além disso, o novo software do Oracle Exadata aceita todos os sistemas de hardware do Oracle Exadata de gerações anteriores, assim como o Oracle Database 12c e o Oracle Database 11g Release 2.

Maurício Renner cobriu o Oracle Cloud World em São Paulo à convite da Oracle.