Conferência da ASUG é um ponto de encontro da comunidade SAP no país.

A ASUG, associação que reúne os maiores usuários de sistemas da SAP no Brasil, decidiu transferir sua conferência anual, prevista para acontecer em 7 de abril em São Paulo.

Em nota, a ASUG justifica a decisão apontando para as recomendações do Ministério da Saúde, no sentido de evitar aglomerações e ambientes fechados para evitar a proliferação do coronavírus.

Uma nova data já foi marcada: 2 de junho, no mesmo local. 

Já na vigésima terceira edição, a conferência da ASUG é um evento tradicional do calendário de TI, reunindo em média 1 mil profissionais, incluindo a maioria dos grandes parceiros da empresa no país e cerca de 100 CIOs e diretores de TI das maiores empresas brasileiras.

Com o adiamento, a conferência da ASUG se torna o segundo evento de porte na área de TI a ser cancelado no país. Ontem, a SalesForce fez o mesmo com o Basecamp, seu maior evento no país, previsto para acontecer também em São Paulo no dia 8 de abril.

O coronavírus foi declarado uma pandemia pela Organização Mundial da Saúde nessa semana. Já são 52 casos confirmados no Brasil, mais da metade deles em São Paulo.

No Brasil, o Ministério da Saúde trabalha com um cenário de aumento exponencial para as próximas duas semanas e meia, seguida de um platô com grandes números de doentes por oito semanas.

No resto do mundo, o coronavírus já causou dezenas de cancelamentos de grandes eventos, incluindo o Mobile World Congress, o SXSW e os maiores encontros de IBM, Facebook e Google, para citar apenas alguns.

No Brasil, a tendência ainda está começando, mas se for seguida a sequência de acontecimentos de fora, o próximo passo deve ser no sentido de mandar quantos funcionários possíveis trabalhar em casa.