Luiz Augusto Martins. Foto: Baguete.

A Dígitro, empresa de Florianópolis especializada em soluções de Telecom, segurança e inteligência, contratou a ferramenta de Gestão de Pessoas da blumenauense Senior.

A solução, implementada pelo canal Unisenior em um trabalho que incluiu dez profissionais, será aplicada à gestão dos 700 colaboradores espalhados pelos nove escritórios da Dígitro no Brasil e exterior, unificando um ambiente que até agora era formado por ferramentas dispersas.

Carlos Foltz Neto, gerente de Sistemas de Informação da Dígitro, conta que a empresa atuava com diversos sistemas que pouco interagiam entre si, o que acarretava recadastros e falta de padrão, tanto para o ambiente de RH quando para o setor de TI.

“Com a plataforma Senior, vamos realizar todo o processo de gestão de pessoal, desde o cadastro do currículo até o desligamento da empresa", explica o executivo. "O sistema auxiliará também na avaliação e desenvolvimento de recursos humanos”, completa.

Bom para uma companhia que precisa de organização para alcançar a meta de crescer, em 2013, 25% sobre os R$ 100 milhões faturados em 2012, quando a expansão foi de 16,3% sobre o ano anterior.

Já em 2014, o objetivo da Dígitro é crescer 25%, segundo seu vice-presidente Comercial e de Negócios Internacionais, Luiz Augusto Martins.

Para tanto, a expansão internacional também está no foco.

A companhia de Florianópolis projeta abrir até julho um escritório próprio de prestação de serviços no Paraguai, que será a segunda operação internacional do gênero, somando-se à mantida desde o começo de 2012 no Peru.

No ano que vem, entram na lista também o México e a Colômbia.

Hoje, a Dígitro tem unidades na América Latina e Moçambique, sendo, na maioria, escritórios somente comerciais ou parcerias com revendedores locais.

TROCA-TROCA
Agora fornecedora, a Senior também é cliente da Dígitro.

No  ano passado, a fabricante de ERP com sede em Blumenau e filiais em São Paulo, Rio Grande do Sul e Mato Grosso do Sul adotou uma solução da parceira catarinense para unificar a gestão de tráfego de dados de suas unidades.

O projeto englobou atividades de relacionamento técnico e comercial da Senior, o que envolve um universo de mais de 10 mil clientes corporativos em todo o país.

Para integrar o tráfego dos dados desta rede, a solução adotada conta com recursos de PABX, call center, URA (Unidade de Resposta Audível) e ferramentas de gerenciamento.

Na prática, a empresa substituiu uma central telefônica convencional por uma suíte de ferramentas que permite a gestão de demandas e custos de telefonia.

“Podemos gerir custos e performance dos recursos de comunicação, liberando-os de acordo com as necessidades de cada unidade”, avaliou, na época, o gerente de Tecnologia e Sistemas de Informação e Comunicação da Senior, Anderson Felício.