SEO e ANALYTICS

Cadastra é marketing digital da L’Oréal Brasil

12/07/2012 14:52

Thiago Bacchin, CEO da Cadastra. Foto: divulgação

Tamanho da fonte: -A+A

A Cadastra, agência de marketing digital de performance pertencente ao Digital Branding Group, acaba de assumir as campanhas de links patrocinados e projetos de SEO e Google Analytics da L’Oréal no Brasil

“A L’Oréal identificou que os links patrocinados poderiam trazer melhores resultados se fossem centralizados em uma única agência, especializada em Google Adwords, para todas as marcas do grupo”, afirma o gaúcho Thiago Bacchin, CEO da Cadastra.

Segundo o executivo, a companhia também iniciou projetos de SEO em conjunto com as demais agências que produzem os sites de cada marca do grupo de origem francesa, na operação brasileira.

“Por último, estamos reconfigurando o Google Analytics para obter mais e melhores indicadores de desempenho de suas iniciativas digitais”, comenta Bacchin.

A L’Oreal mantém diversos sites e hotsites, divdo às diversas marcas de seu portfólio –L'Oréal Paris, Garnier, Colorama e Maybelline, entre várias outras.

A unificação da conta de links patrocinados em uma única agência inicia um processo de padronização das campanhas e configurações de ferramentas.

Com a Cadastra, também estão previstos treinamentos na área de SEO e Google Analytics.

No mercado há 12 anos, a Cadastra oferece serviços de SEO, links patrocinados, comparadores de preços, e-mail marketing, mídia online e social media marketing, além de consultoria em Google Analytics e e-commerce.

A agência fechou 2011 com um faturamento de R$ 17 milhões, 53% a mais do que no ano anterior, e para 2012 projeta manter o ritmo nos 50%, alcançando R$ 25,5 milhões.

Já a L’Oréal está no Brasil desde 1939, contando hoje com duas fábricas, uma no Rio e outra em São Paulo, que representam um dos maiores parques industriais da companhia no mundo, com 70.000 m2 de área construída.

A empresa conta com aproximadamente 2 mil colaboradores no país.

Além das fábricas, a estrutura conta, ainda, com uma central de distribuição, um centro de Pesquisa & Inovação, ambos no Rio de Janeiro, duas academias de profissionalização técnica, uma no Rio de Janeiro e outra em São Paulo, e diversos canais de vendas direta e indireta em todo o país.

Fora as marcas já citadas, que compõem a divisão de Produtos para Grande Público da companhia, a L'Oréal também trabalha no Brasil com as unidades Produtos Profissionais (L'Oréal Professionnel, Kérastase, Redken e Matrix), Produtos de Luxo (Lancôme, Biotherm, Yves Saint Laurent, Ralph Lauren, Giorgio Armani, Cacharel, Viktor & Rolf, Diesel e Kiehl’s; Guy Laroche, Paloma Picasso eCosmética Ativa (Vichy, La Roche-Posay, Innéov, Roger & allet, Skin Ceulticals).

A empresa tem sede na França e unidades espalhadas pela Europa, África, Oriente Médio, Ásia Oriental, Pacífico Sul, América do Norte e América Latina.

Nesta última região, além do Brasil, está presente na Argentina, Chile, Colômbia, Guatemala, México, Panamá, Peru, Porto Rico, Uruguai e Venezuela.

Veja também

L'Oréal descentraliza call center com Triscal

A fabricante de cosméticos L'Oréal está em processo de descentralização de seu call center, com a entrega a cada país do controle sobre seu sistema de CRM, permitindo o gerenciamento de dados locais. No Brasil, o projeto está sob responsabilidade da integradora Triscal.

A gerente de Call Center da L’Oréal no país, Graça de Varella, lembra que desde 2006 a empresa utilizava o sistema Siebel On Premise globalmente.

Cadastra assume SEO da mexicana BestDay

A mexicana BestDay, focada na venda de passagens aéreas e reserva de hotéis na América Latina, contratou o serviço de SEO da Cadastra, agência de marketing digital com escritórios em Porto Alegre e São Paulo.

Pertencente ao DBG (Digital Branding Group), a Cadastra foi a aposta da BestDay para crescer no mercado brasileiro depois da compra da agência de turismo online ClickHotéis.

Tamara Costa sai da Cadastra

Tamara Costa deixou o quadro societário da Cadastra na última sexta-feira, 15.

A executiva assumiu em 2005 a posição de diretora Comercial da agência gaúcha especializada em otimização de sites, links patrocinados, webanalytics, social media marketing, consultoria em usabilidade e comparadores de preço.

DBG quer chegar aos R$ 35 mi em 2011

A DBG (Digital Branding Group), holding de empresas de comunicação e performance digital que mantém escritórios em São Paulo e Porto Alegre, projeta faturar R$ 35 milhões em 2011.

A empresa, que reúne as agências Cadastra e NewBlue, fechou 2010 com novos contratos firmados junto a clientes como Serasa, R7, BuscaPé, QueBarato, GVT e Camargo Corrêa e Lojas taQi, entre outros.

Na Colombo, online é tudo com a DBG

A Digital Branding Group (DBG) assumiu, em contrato full service, a conta de marketing digital da Colombo. Com o projeto, a meta da varejista gaúcha é incrementar entre 40% e 50% a participação do meio online em suas vendas, que hoje fica em 14%.

"O e-commerce é um grande meio para nós. Em 2010, crescemos mais do que o mercado neste setor: enquanto, no geral, a expansão desta área foi de 40% no Brasil, nós crescemos 60%", conta Clério Kubiak, gerente de E-Commerce da Colombo.

DBG: nova holding rumo aos R$ 35 milhões

Acaba de nascer a DBG – Digital Branding Group, holding focada em consultoria de comunicação digital, presença e performance online. A empresa já nasce com 100 colaboradores, mais de 120 clientes e, embora não divulgue o faturamento conjunto das integrantes em 2009, anuncia a meta de faturar R$ 35 milhões em 2011.

SEM EXAGEROS
Google cogita neutralizar o SEO

O Google está estudando uma nova estratégia de hierarquização nas buscas.

Segundo o chefe de web spam do Google, Matt Cutts, sites superotimizados deverão ser neutralizados pelo Google, com o objetivo de dar espaço a conteúdos bons, sem uma grande preocupação com as técnicas de otimização do SEO.