Randon: análises mais rápidas com QlikTech. Foto: divulgação.

A Randon adotou a ferramenta de Business Intelligence QlikView para fazer análises de cenários dentro dos departamentos de manufatura e logística das empresas do grupo.

Inicialmente, foram adquiridas 25 licenças do produto, em um projeto com implementação da iMaps, parceira da QlikTech sediada em Porto Alegre. Foram avaliadas também a solução da Tableau Software e SAP Lumira.

A expectativa é ter o software operacional em 90 dias.

O objetivo da área de TI da empresa com a implementação é que os usuários das áreas possam eles mesmo desenvolver seus painéis analíticos, ganhando com isso mais agilidade para projetar cenários diferentes.

“Hoje a TI está sendo um gargalo para eles, pois não conseguimos entregar essas modificações no Business Objects com a velocidade suficiente”, explica Mateus de Abreu, coordenador de TI da Randon.

Segundo explica Abreu, hoje os usuários acabam fazendo suas simulações usando Excel, o que gera um problema de multiplicidade de fontes de dados. 

O QlikView funcionará integrado com o sistema da SAP em uso na companhia, eliminando esse problema.

A expectativa é que as áreas de negócio possam fazer um uso mais intenso de projeções e análises, o que pode ajudar na tomada de decisões sobre produtos ou processos de fábrica. 

O grupo Randon controla oito negócios nos segmentos de implementos rodoviários, ferroviários, veículos especiais, autopeças, sistemas automotivos e serviços.

Nos dois últimos anos, a empresa vem sentindo os efeitos da contratação da economia, mas ainda assim é um dos grandes grupos industriais do país. 

O faturamento esperado para 2015 é de R$ 4,4 bilhões, uma queda de 21% frente aos resultados de 2014.