Chris Torto, CEO da Ascenty. Foto: Divulgação.

A Ascenty Data Centers obteve as certificações ISO 27001 através da  International Organization for Standardization (ISO) e pela International Electrotechnical Commision (IEC).

Em nota, a empresa afirma ser a primeira no país, na área de data center e operação de TI, a ter o padrão de certificação baseado na norma ISO/IEC 27001 - referência internacional para sistemas de gestão da segurança da informação.

A norma ISO/IEC 27001 é utilizada em todo o mundo para que as organizações adotem um modelo adequado de definição, implementação, operação, monitoramento, revisão e gestão de um sistema de gestão da segurança da informação

Fábio Trimarco, gerente de governança de TI da Ascenty, ressalta que a proteção das informações ocorre em três aspectos-chave: confidencialidade (propriedade que limita o acesso à informação), integridade (garante a manutenção de todas as características originais da informação manipulada) e disponibilidade (propriedade que garante que a informação esteja sempre disponível para o uso legítimo).

Por meio de sua infraestrutura de data centers, sendo um em pleno funcionamento, em Campinas, e outros dois em construção, em Jundiaí e em Hortolândia, a Ascenty oferece serviços de colocation, hosting gerenciado, cloud computing e serviços gerenciados para monitoramento de ambientes de TI. 

A empresa foi uma das empresas listadas pelo Gartner entre as cinco Cool Vendors do Brasil em 2014. 

Apesar de considerar que o mercado em que a Ascenty está inserida tem mais demanda do que oferta, o Gartner acredita que com o número crescente de concorrentes, em longo prazo o sucesso vai exigir um investimento continuado.

Os data centers da Ascenty em Campinas e Jundiaí possuem certificação Tier III concedida pelo Uptime Institute. Em fevereiro a empresa anunciou um investimento de R$ 30 milhões para ampliar o centro de dados de Campinas.

A Ascenty é um empreendimento do americano Chris Torto, que montou a Vivax, vendida para a Net em 2007. De acordo com informações veiculadas pela imprensa, a empresa começou com um aporte de R$ 250 milhões feito por Torto e pelo fundo de investimento americano Great Hill Partners.

O Gartner estima que a receita anual da Ascenty seja de aproximadamente US$ 40 milhões.