Foto: flickr.com/photos/campuspartymexico

O HP Labs, braço de pesquisa e desenvolvimento da HP, instalado em Palo Alto, nos Estados Unidos, economiza 30% do seu consumo total de energia, e 80% da energia da rede pública no seu novo data center verde.

Chamada de HP Data Center Net Zero Energy, a instalação utiliza energia e resfriamento de fontes locais renováveis.

Segundo a empresa, o Net Zero Energy da HP também reduz os custos de energia associados às operações de data center, ampliando, desta maneira, o alcance da acessibilidade à tecnologia da informação em todo o mundo.

“A TI tem o poder para ser uma equalizadora entre sociedades, mas o custo dos serviços e o custo da energia podem ser proibitivos e inibir uma adoção maior”, disse Cullen Bash, diretor interino do Grupo de Pesquisa em Ecossistemas Sustentáveis da HP Labs.

A tecnologia do Data Center Net Zero Energy da HP é proveniente de um pacote de ferramentas de software Linux que roda em servidores x86 e usa um sistema de gerenciamento da demanda.

O software da HP prevê a demanda, o fornecimento de energia e os recursos computacionais, criando e implementando um plano para o agendamento de cargas de trabalho a fim de maximizar o uso de uma pequena quantidade de servidores pelo menor período possível.

O novo data center da HP está passando por testes em uma instalação de 278 m² no campus da empresa em Palo Alto.

O local de testes está usando uma matriz de energia fotovoltaica (à base de painel solar), com um sistema de resfriamento que pode ser tanto com ar fresco, como mecânico. Estas estratégias de consolidação melhoram a utilização do servidor para reduzir a demanda por energia.