JHE Engenharia adota Colaborativo. Foto: divulgação.

A JHE, empresa nacional de engenharia e gerenciamento de obras, adotou a solução Colaborativo, da Construtivo, para gerir o atendimento aos editais de engenharia.

Com a solução, a empresa paulista investiu na administração e compartilhamento de informações online, assegurando transparência e segurança aos processos de concorrência pública e privadas.

De acordo com a JHE, o setor de engenharia foi muito atingido pela crise econômica do País, cenário que fomentou a busca pela revisão e atualização de seus processos, demandando sistemas que atendessem às necessidades específicas de acompanhamento e monitoramento do andamento das obras.

“Ganhar as propostas sob as óticas técnicas e comerciais exige, no mínimo, um produto diferenciado, focado na qualidade das informações a serem prestadas. A colaboração entre empresas que possam mesclar especialidades é o caminho mais curto e seguro na obtenção desse produto diferenciado que o mercado procura. Isso motivou a busca da colaboração”, acrescenta o diretor da JHE, João Alberto Viol.

A ferramenta permite a visualização online dessas obras, com relatórios de medição e de andamento dos projetos, além de alertar providências que devem ser tomadas para riscos de atrasos ou paralisações e prazos a vencer de eventos críticos no contrato da obra.

Atualmente, os projetos da empresa atendem obras de saneamento, habitação popular, construção escolar e transportes. Hoje, cerca de 20 obras, entre adutoras, reservatórios de água, estações de tratamento de esgoto e estações de tratamento de água estão em andamento e são gerenciadas com o apoio do sistema.

“Sem o sistema de colaboração perderíamos tempo, produtividade e precisão, além de aumentar a possibilidade de duplicação de funções na equipe de trabalho, comprometendo a qualidade no fornecimento da informação”, alerta Viol.

Segundo o diretor, depois da implementação do Colaborativo, o plano da companhia é ampliar as funcionalidades da solução.

“No momento, estudamos ampliar as opções de gráficos e também a nomenclatura de diversos comandos, além da implementação do processo de fornecimento de imagens por câmera em tempo real das obras em andamento e de vídeo com drones e em time less”, pontua Viol.