Marc Lind.

A Ciclo PLM, uma revenda de soluções para engenharia sediada em Joinville, é a nova parceira no país da Aras, uma companhia americana de soluções open source de gerenciamento de ciclo de vida de produto (PLM, na sigla em inglês).

O novo parceiro é um reforço no canal da Aras no país, onde a empresa opera indiretamente desde 2006 por meio da paulista ED2, que também trabalha com software de gestão de porfólio de projetos.

Além disso, compõem o canal por aqui as subsidiárias locais da IBM e Infor, com as quais a Aras tem acordos em nível mundial.

“Acredito que a nossa proposta de valor de projetos flexíveis, escaláveis e sem custo de licenciamento é ideal para o mercado brasileiro”, resume Marc Lind, VP de Marketing Global da Aras.

A Aras foi fundada em 2000 e em 2007 decidiu abrir o código do seu software, apostando em ser a “Red Hat do mundo PLM”, nas palavras de Lind. 

A aposta é que o modelo de negócio permitiria a Aras, com 200 funcionários, competir de frente com gigantes do segmento como Siemens PLM, PTC e Dassault Systemes. 

O posicionamento vem dando resultado. Em novembro, a IBM (que em 2009 vendeu sua área de PLM para a Dassault) anunciou que utilizaria tecnologia da Aras para complementar suas soluções focadas em Internet das Coisas. 

A Ciclo é um reforço importante no país, pela experiência na área de soluções para engenharia. 

A empresa foi fundada em agosto de 2013 por Welinton Auerbach e Marcio Ishikawa, vindos da parceira Autodesk Grapho e da parceira Siemens PLM Raihsa. 

No final de 2015, Dan Siqueira, ex-gerente de marketing da linha Velocity da Siemens PLM para América do Sul, acaba de assumiu o cargo de CEO.

A Ciclo PLM trabalha com tecnologias da ZW3D CAD/CAM, ESSS e Onshape.