Com recursos do PPI/MCTI, os projetos podem ter apoio financeiro de 40% no valor. Foto: flickr.com/photos/argonne

A Associação Catarinense de Empresas de Tecnologia (ACATE) formará um novo grupo com início em março de 2014 para micro, pequenas e médias empresas.

Cada organização terá apoio financeiro de 40% do valor do projeto com recursos do PPI do Ministério da Ciência e Tecnologia e Inovação (MCTI). Para submeter projetos, acesse o link.

Com foco nas micro (até 10 colaboradores), pequenas (entre 11 e 50 colaboradores) e médias (entre 51 e 100 colaboradores), a aplicação será para os níveis parcialmente gerenciado (G) e gerenciado (F).

O grupo de implementação do Modelo de Referência MR-MPS-SW (software) e avaliação seguindo o Método de Avaliação MA-MPS terá grupo formado com no mínimo cinco empresas.

MPS.BR é uma iniciativa da Associação para Promoção da Excelência do Software Brasileiro (Softex) e objetiva melhorar a qualidade e a produtividade do software no país utilizando índices de qualidade reconhecidos internacionalmente.

Com a implementação do modelo, espera-se reduzir custos de produção, incentivar a adoção de melhores práticas de engenharia de software, além de conquistar melhorias nos processos e nos produtos.