António Andrade.

António Andrade, ex-diretor comercial da Roff, acaba de assumir o cargo de diretor de operações da GBI.

Trata-se de uma movimentação portuguesa, com certeza.

Andrade é português. A Roff é uma parceira SAP de Portugal com atuação no Brasil.

Já a GBI também é de Portugal e atua com serviços gerenciados, além de soluções de atendimento a cliente da Omilia e processamento de eventos da Evam.

A GBI está no Brasil desde 2017 e tem 250 funcionários alocados em empresas como Carrefour, GOL e Hospital Albert Einstein. O faturamento no Brasil gira em torno de € 8 milhões, o que pelo câmbio de hoje é quase R$ 40 milhões.

“O momento do GBI é de crescimento exponencial e pretendo somar com a minha experiência para criar novos serviços e padronizar os atuais, contribuindo com nossos clientes na transformação digital de seus negócios”, afirma Andrade.

Andrade é um executivo experiente e com conhecimento do mercado brasileiro. Antes da Roff, foi diretor de serviços e de SAP na Meta, companhia gaúcha que está entre os maiores parceiros da multinacional alemã no país.

Também passou pela Indra, onde liderou um time SAP com mais de 1 mil consultores entre 2011 e 2013.