Cynthia Borkoski, gerente de vendas da ADP na região Sul. Foto: divulgação.

A norte-americana ADP, fornecedora de serviços e soluções de RH, fechou 2012 comemorando o seu crescimento no Brasil, que teve resultados 211% acima do plano inicial de vendas, que não é revelado, e passou a ser o terceiro lugar entre as unidades da companhia, atrás somente dos EUA e do Canadá.

Em 2012, a companhia cresceu 103% em vendas no Brasil e nisso, as pequenas e médias empresas foram responsáveis por fatia de 42%, o que foi um dos impulsos no país.

Marcelo Bento, diretor de Vendas da ADP Brasil, explica: no ano passado, as vendas da empresa para o SMB no país renderam tanto que motivaram um aumento de 20% na equipe comercial local.

A companhia também levantou dados do mercado nacional, segundo os quais as PMEs respondem por cerca de 80% dos empregos criados no Brasil, o que para uma fornecedora de sistemas para gestão de pessoal e folha de pagamento é um prato cheio.

"Chamo a atenção para o Combo PME, que engloba folha de pagamento, gestão de ponto e segurança de saúde do trabalho", lembra Bento. "Fornecemos soluções práticas e com um preço acessível”, garante.

A gerente de Vendas da ADP no Sul do Brasil, Cynthia Borkoski, reforça a análise do diretor, e salienta que pesquisas recentes apontam que 24% das PMEs que mais crescem no país são da região. 

"Os estados do Sul têm um mix de empresas bastante interessante, passando por multinacionais de todos os portes e grande número de empresas em crescimento", observa ela.

Para Cynthia, este mix também traz problemas entre as companhias - calma: nada que a ADP não possa resolver.

"Em tempos de escassez de mão de obra, atrair e reter as pessoas certas nunca foi tão importante para a produtividade e lucratividade. Administrar a folha de pagamento e recolher impostos e contribuições em dia não é suficiente para enfrentar a concorrência acirrada, então as empresas buscam provedores que possam fornecer soluções eficazes para esta gestão", observa ela.

INVESTIMENTOS
Em 2012, a ADP abriu uma nova filial em Ribeirão Preto (SP) que, segundo Bento, colaborou efetivamente nos resultados, superando as expectativas da companhia.

De acordo com o diretor, esta nova unidade faz parte do plano de expansão da ADP Brasil para os próximos três anos.

Hoje, a norte-americana tem unidades em São Paulo, Rio de Janeiro, Curitiba, Porto Alegre, Ribeirão Preto e Belo Horizonte, inaugurada em janeiro.

Para atingir a meta de crescimento, a empresa abrirá outras unidades em capitais do país - uma delas programada para o primeiro semestre de 2013 - e está contratando profissionais para a área comercial no Rio de Janeiro e no São Paulo.

ADP
Sediada em New Jersey, a ADP é um dos maiores fornecedores de serviços e soluções de RH do mundo. Com 63 anos de experiência e 51 mil funcionários, ela atende cerca de 600 mil clientes, em mais de 125 países.

A empresa, de atuação na América do Norte, Europa, América Latina e países da costa do Pacífico, e é uma das poucas empresas americanas a receber a classificação AAA da Standard & Poors e da Moodys.

Por meio de suas soluções, aproximadamente 35 milhões de pessoas recebem seus salários. Só no Brasil, são aproximadamente 700 mil holerites processados todo mês.