Baguete
InícioNotícias> Univali: app de notas com GeneXus

Tamanho da fonte:-A+A

EDUCAÇÃO

Univali: app de notas com GeneXus

Júlia Merker
// quinta, 14/05/2015 16:24

A Univali lançou um aplicativo para os alunos verificarem notas e frequência nas aulas. O UnivaliNotas está disponível para os 25 mil alunos da instituição nos sistemas iOS e Android e foi desenvolvido na plataforma 

A Univali lançou um aplicativo para os alunos verificarem notas e frequência nas aulas. Foto: Divulgação.

O aplicativo conquistou a marca de 14,5 mil downloads em 1 mês de criação. 

A ferramenta foi feita em três meses com a ajuda de três profissionais (2 desenvolvedores e 1 designer) e a proposta foi oferecer aos alunos as informações que já estavam disponíveis na web sobre notas e frequências. 

“Já tínhamos notado que os alunos acessavam muito isso no site e decidimos criar esse app para facilitar a vida dos estudantes da Univali”, conta o analista de negócios da área de Tecnologia da Informação da Univali, Alcides Vila-Loubos Júnior. 

As principais novidades que estão no UnivaliNotas são as notificações das notas; média de notas, um comparativo entre os alunos da mesma turma; e um indicador com cores e ícones, que alerta conforme o aluno atinge o limite de faltas permitidas na disciplina.

“Antes os alunos só ficavam sabendo quando tinham passado o limite de frequência, ou seja, quando já tinham reprovado por faltas”, explica Alcides. 

Na última semana do mês de março cerca de 10 mil alunos acessaram o aplicativo. 

“Graças ao GeneXus conseguimos criar com agilidade o aplicativo, porque pudemos reutilizar os objetos da nossa base de conhecimento do Sistema Acadêmico, que também é feito com GeneXus, e por ser multiplataforma”, afirma o desenvolvedor Andrei Hodecker, da área de Tecnologia da Informação da Univali.

A Univali possui oito campi: Balneário Piçarras, Itajaí, Balneário Camboriú, Tijucas, Biguaçu, São José, Kobrasol e Florianópolis. A organização tem três colégios, 70 opções de cursos de graduação, 50 cursos de especialização, dez mestrados e seis doutorados.

Júlia Merker