OPORTUNIDADE

Cubo Itaú abre seleção para 160 desenvolvedores

14/05/2020 14:00

Segunda edição do Cubo For Devs tem vagas em diversas startups que fazem parte do hub.

Processo seletivo será feito on-line. Foto: Divulgação.

Tamanho da fonte: -A+A

O Cubo Itaú, hub de fomento ao empreendedorismo tecnológico do banco, anunciou a abertura de 160 vagas de trabalho para desenvolvedores, disponíveis nas startups que fazem parte da organização. 

Em sua segunda edição, o Cubo For Devs será realizado on-line, com processo seletivo da startup Gama Academy, especializada na capacitação de talentos.

As inscrições para profissionais de todo o Brasil estão abertas e os candidatos podem realizar os testes até dia 28 de maio. A feira de contratações on-line e as entrevistas acontecem no dia 2 de junho. 

Durante o processo, a Gama Academy irá entregar conteúdos por e-mail para o desenvolvimento dos candidatos, com dicas para o processo seletivo e entrevistas.

Nos dias 20 e 27 de maio, também serão realizadas duas lives com conteúdo para os desenvolvedores. 

Entre os temas abordados, estão as principais skills necessárias de um programador diante das exigências do mercado de trabalho e como prezar pela qualidade da área com a demanda de desenvolvedores em alta.

De acordo com o hub, o movimento Cubo For Devs foi pensado em função da forte demanda por desenvolvedores que o mercado enfrenta, e, mesmo com tantas incertezas na economia, é importante mostrar que existe um mercado aquecido, que demanda e precisa contratar.

“Lançar a segunda edição do #TechTalents neste momento sensível se torna ainda mais importante, pois não resta dúvida sobre a importância da transformação digital nas empresas, que veio para ficar", afirma Renata Zanuto, co-head do Cubo Itaú. 

As startups com vagas abertas são das mais diversas áreas, de RH a educação. Entre elas,  estão Abstartups, B2Blue, Cosmobots, Dootax, Eskolare, Eunerd, Guiando, Manipulaê, Mol, Pin People, Quatro Logística 4.0, Revex e Talent Academy.

São vagas para front-end, back-end, full-stack e cientista de dados em todos os níveis de senioridade, desde estágio a profissionais com mais de cinco anos de experiência. 

As ofertas de trabalho variam entre vagas remotas, presenciais em São Paulo e também para fora da cidade.

Apontando um mercado aquecido e com mão de obra escassa, um estudo da Gama Academy mapeou cerca de 2.849 vagas em aberto para desenvolvedores no Brasil somente em janeiro deste ano.

Inaugurado em setembro de 2015 pelo Itaú Unibanco em parceria com a Redpoint eventures, o Cubo Itaú abriga cerca de 1,25 mil residentes de diferentes segmentos em São Paulo, além das mais de 300 startups, com empreendedores de todo o país.

Fundada em 2016, a Gama Academy atua na formação de profissionais em áreas como design, marketing, programação e vendas, conectando os alunos com as oportunidades em empresas.

Veja também

CAPITAL
Gupy levanta mais R$ 40 milhões

Oria Capital aposta que companhia pode liderar o segmento de RHtechs no Brasil.

CRISE
Mercos corta 40% do time

Empresa de Joinville demitiu 51 profissionais. Crise vem impactando startups catarinenses.

INOVAÇÃO
Petrobras e Sebrae procuram startups

Edital prevê R$ 10 milhões para financiamento de projetos em nove temas tecnológicos.

COOPERATIVA
Ailos tem marketplace com Hallo

Aplicativo reuniu mais de 2,7 mil usuários na primeira semana de lançamento.

INOVAÇÃO
Arena Palmeiras terá espaço de startups

Iniciativa focada em esportes e entretenimento envolve EY, 2Simple, Allianz Parque, V3A e BNZ.

AMÉRICA LATINA
SAP e Socialab procuram startups

Nova edição da Social Innomarathon busca empresas que tenham impacto social ou ambiental.

BICHOS
Pandemia desbanca unicórnios e abre espaço para startups camelos

Crise gera mudança no tipo de empresas promissoras: saem de cena as promessas de crescimento, entra a capacidade de resistência.

CENÁRIO
Crise desafia as cleantechs

Ao todo, Brasil já tem 130 empresas focadas nas chamadas “tecnologias limpas”.

PÓS-COVID
BRDE tem programa de startups

Iniciativa vai ser operacionalizada pela aceleradora Ventiur em parceria com Aliança pela Inovação.

EDUCAÇÃO
Etecs e Fatecs retomam aulas com Teams

Ferramenta da Microsoft será utilizada por mais de 300 mil estudantes do estado de São Paulo.