INVESTIDA

Valid entra em ERP para prefeituras

14/07/2020 09:43

Companhia comprou a Mitra, que tem clientes como São Caetano e Santo André.

Carlos Affonso D’Albuquerque, CEO da Valid.

Tamanho da fonte: -A+A

A Valid, companhia brasileira que está entre as maiores de identificação segura, adquiriu 51% de participação na Mitra, uma companhia especializada em soluções de gestão para administração municipal.

Não foi revelado o valor da compra. A Mitra atende algumas cidades importantes em São Paulo, como São Caetano do Sul e Santo André, no ABC Paulista e Vinhedo e Araraquara, no interior do estado. No Rio de Janeiro, Campos dos Goytacazes é um cliente. 

Ao todo, as prefeituras clientes da Mitra tem 1,7 milhão de moradores.

“A aquisição da Mitra fortalece a capacidade da Valid em promover, de forma customizada, a jornada de transformação digital dos nossos clientes” explica Carlos Affonso D’Albuquerque, CEO da Valid.

Na prática, as duas empresas juntas podem oferecer soluções integradas com software e sistemas de verificação para que prefeituras coloquem em prática determinadas políticas públicas.

É o que aconteceu em São Caetano do Sul, onde foi feito projeto conjunto que envolvia programa de recadastramento biométrico dos cidadãos com integração em diferentes bases de dados da prefeitura.

No final, os cadastradores receberam o “Cartão São Caetano”, uma espécie de passaporte de acesso ágil aos serviços públicos municipais com facilidade e segurança. 

Em Vinhedo, foi feito um projeto similar, visando acelerar a abertura de empresas.

A Valid vem reforçando seu portfólio para cidades, tendo adquirido recentemente a Estacionamento Digital, companhia presente em 34 cidades, incluindo capitais como Belo Horizonte, Salvador e Fortaleza. 

Com capital aberto na bolsa, a Valid 6 mil funcionários e é quinta maior produtora de cartões SIM no mundo. 

A empresa também está entre as maiores emissoras certificados digitais do país, com 9,1% do mercado, segundo dados do ITI para o primeiro semestre de 2019. Só no último trimestre do ano passado, a receita foi de R$ 548 milhões, alta de 22,7%.

A entrada de um player de porte como a Valid, capaz de estruturar uma oferta além de software, representa uma potencial sacudida no mercado de sistemas de gestão para prefeituras no país, que não é dos mais agitados.

O nicho é dominado por companhias de porte médio, com bases de clientes na casa das centenas de prefeituras (ao todo, o país tem 5,5 mil cidades, mas muitas delas são pequenas e sem capacidade de investimento).

A SAP chegou a fazer uma menção de entrar no segmento com o B1, seu software para pequenas e médias. O movimento já tem mais de uma década, e como no geral a presença da multinacional alemã no segmento governo do Brasil, o assunto não deslanchou.

O movimento mais importante nos últimos anos no sentido de alterar o mercado de software para prefeituras veio do governo federal, que durante as administrações petistas tentou emplacar uma solução open source no segmento, por meio do Portal do Software Público. 

A ideia era oferecer a implantação dentro do programa Cidades Digitais. Apesar da falação, pouca coisa aconteceu na prática. O Portal do Software Público segue no ar, mas não é mais o foco da política pública de tecnologia.

Veja também

DECISÃO
Fim do monopólio do Procempa?

Medida pode significar quebra de estatal de tecnologia de Porto Alegre.

CONTRATAÇÃO
Valid Certificadora tem novo head de operações

Mauricio Valim, ex-CEO da Paggi, também atuou em startups como Vá de Táxi e Easy Taxi.

APORTE
Soluti investe R$ 2 milhões na App Facilita

Startup de negócios imobiliários adotou simulador de vendas on-line e assinatura eletrônica.

GOVERNO
A Estônia já está aqui

Brasil olha com deslumbramento para o país báltico, mas as bases tecnológicas para o governo eletrônico já existem.

DOCUMENTO
São Paulo terá RG digital com Valid

Aplicativo oferece biometria facial e checa autenticidade com QR Code.

DADOS
Porto Alegre: portal sobre Covid-19 com DBServer

A empresa desenvolveu layout, arquitetura e atualização de dados e gráficos de painéis.

MODELOS
Covid matou a vontade de inovar em Porto Alegre?

Prefeitura proíbe concessionárias de veículos de vender carros, quando deveria fazer o contrário.

CRISE
Pacto Alegre lança plataforma para pequenos negócios

O Supera reúne serviços gratuitos para apoiar os empreendedores durante a pandemia.

SP
Jundiaí responde dúvidas sobre Covid-19 com Watson

Solução foi desenvolvida pela Masterdom usando a inteligência artificial da IBM.

INFORMAÇÃO
Porto Alegre tem chatbot com 4all

CovidBot tira dúvidas sobre o coronavírus no site da prefeitura. Governo do RS adotou canal semelhante.

E-COMMERCE
Santa Catarina acena para Mercado Livre

Tudo parece pronto para centro de distribuição deixar o Rio Grande do Sul rumo a Santa Catarina.

DEU PRA TI
Mercado Livre desiste do Rio Grande do Sul

Rolo tributário gaúcho levou gigante de e-commerce a desistir de abrir CD em Gravataí.

SAÚDE
Sapiranga monitora Covid-19 com Paipe

Empresas que retomarem as atividades deverão informar temperatura dos funcionários pelo aplicativo.