Intel escolheu participantes a dedo. Foto: flickr.com/photos/intelphotos/

UOL e Locaweb, as duas maiores empresas de hospedagem do Brasil, foram escolhidas pela Intel para participar de um grupo de 16 provedores de serviços em nuvem de todo mundo envolvidos no programa Powered by Intel Cloud Technology.

As empresas, que juntas produziram US$ 3.5 bilhões de receita com serviços de cloud no ano passado, poderão usar o logo da iniciativa para diferenciar suas ofertas baseadas em hardware da multinacional.

Um mecanismo de busca permitirá aos usuários encontrar os provedores que forneçam os serviços em nuvem baseados na tecnologia Intel, e que cumpram os critérios de serviço exigidos, com a possibilidade de testar gratuitamente antes de optarem pela compra.

“Pela primeira vez, os usuários poderão ver e escolher as tecnologias que afetarão as capacidades e custos para que seus aplicativos sejam rodados na nuvem”, garante Jason Waxman, vice-presidente do Data Center Group e gerente-geral do Grupo de Plataformas em Nuvem da Intel. 

Em setembro do ano passado, a Intel anunciou uma colaboração com a Amazon Web Services para divulgar aos clientes as especificações, o desempenho, a qualidade e os benefícios de segurança da tecnologia Intel usada nas instâncias da AWS.

Além dos brasileiros, participam também do programa a Virtustream (EUA), Canopy (Reino Unido), Cloud4com (República Tcheca), CloudWatt (França), Expedient (EUA), KIO Networks (México), KT (Coréia), UOL (Brasil), Localweb (Brasil), NxtGen (Índia), Online.net (França), OVH (França), Rackspace (EUA), Savvis (EUA) e Selectel (Rússia).