z13, da IBM, contou com 5 anos de desenvolvimento. Foto: Divulgação.

A IBM anunciou nesta semana seu mainframe z13, um sistema de computador que a empresa afirma ser “o mais poderoso e seguro já construído”. Projetado para lidar com o enorme volume de dados e transações geradas por pessoas que usam smartphones e tablets, o sistema contou com investimentos de US$ 1 bilhão, em cinco anos de desenvolvimento.

Feito para processar 2,5 bilhões de transações por dia, o z13 é o primeiro sistema de mainframe com analytics integrada, que fornece insights em tempo real sobre todas as transações.

O sistema conta com a garantia de um bom trabalho com o crescimento do volume de transações móveis, que as estimativas prevêem que chegarão a 40 trilhões por dia até 2025.

Steven Milunovich, analista da UBS Securities, estima que a nova linha de mainframe da IBM irá gerar um aumento de receita de quase 10% para a IBM em 2015, que deve registrar um valor de cerca de US$ 2,3 bilhões, segundo o Tech Times.

"Toda vez que um consumidor faz uma compra ou aperta um botão de atualizar no smartphone, ele pode criar uma cascata de eventos no back-end do ambiente de computação. O z13 é projetado para lidar com bilhões de transações para a economia móvel. Somente o mainframe IBM pode colocar o poder de datacenters mais seguros do mundo na palma da sua mão ", disse Tom Rosamilia, vice-presidente sênior da IBM.

O mainframe é um dos produtos clássicos entre as ofertas de hardware da empresa e deve ajudar a IBM a vender softwares e serviços que podem ser complementares.