Ebanx Go é uma conta de pagamentos digital com cartão físico e virtual. Foto: divulgação.

A Ebanx, fintech brasileira que nasceu com serviço B2B e atingiu o status de unicórnio em outubro de 2019, anunciou o lançamento da sua nova empresa de pagamentos locais, o Ebanx Go.

O produto é uma conta de pagamentos digital com cartão físico e virtual Visa, marcando a entrada da startup no segmento de produtos para o consumidor.

Feito com a Dock, solução do Grupo Conductor, o cartão foi oferecido por convite a 10 mil consumidores brasileiros num primeiro momento, em caráter experimental.

Há uma lista de espera para quem tiver interesse no produto, que deve ser lançado em definitivo no mercado brasileiro no início do segundo semestre de 2020.

O cartão, que é pré-pago com o saldo da conta digital, é acessado por meio de um aplicativo, disponível para os sistemas Android e iOS. Ele poderá ser usado para compras em qualquer estabelecimento, site ou aplicativo que aceite a bandeira. 

Segundo a Ebanx, não serão cobradas taxas para o depósito, manutenção ou para a abertura da conta digital, nem para transferências, que serão possíveis entre o aplicativo e qualquer conta corrente ou poupança.

Entre as funcionalidades em teste, está o cashback de 5% para compras realizadas em 18 e-commerces e serviços digitais, como AliExpress, Gearbest e Spotify.

O dinheiro, sem data de expiração, é disponibilizado no próprio Ebanx Go e pode ser usado em outras transações ou transferido a uma segunda conta.

Segundo a empresa, que oferece soluções de pagamento da América Latina a sites nacionais e internacionais, o novo produto amplia o leque de atuação da fintech e reforça sua presença no mercado de pagamentos brasileiro.

“Entramos neste mercado com uma visão diferente, aplicando toda nossa experiência adquirida com clientes globais e aprendizado com consumidores brasileiros ao longo de muitos anos para garantir um serviço diferenciado sem perder o DNA do Ebanx”, ressalta Wagner Ruiz, co-fundador e CFO da Ebanx.

O produto foi criado por uma área da fintech que se dedica exclusivamente à inovação e ao desenvolvimento de novas soluções.

“Estamos muito felizes em apoiar a Ebanx na construção dessa solução. Ser parceiro de um produto tão disruptivo e inovador é estratégico para o nosso compromisso de acelerar a transformação por trás do aumento do uso dos pagamentos eletrônicos no Brasil”, afirma Fernando Teles, country manager da Visa do Brasil.

A Visa tem investido forte no mundo das Fintech. Nesta semana, a companhia anunciou a compra da a Plaid, uma startup que conecta aplicativos de pagamentos às contas bancárias dos usuários, por US$ 5,3 bilhões.

Já a Dock é uma solução white label “bank in box”, onde os clientes podem criar o seu próprio banco digital.

Com um valor monetário anual de aproximadamente R$ 2 bilhões, a empresa tem um milhão de cartões ativos com mais de 100 empresas e mais de 2 milhões de requisições nas APIs por mês.

Fundada em 2012 em Curitiba, a Ebanx foi criada para resolver um gap de acesso entre latino-americanos e sites internacionais, oferecendo uma solução de pagamento no fluxo de transações de comércio eletrônico cross-border.

O primeiro aporte veio no final de 2017, com US$ 30 milhões do FTV Capital, fundo norte-americano focado em empresas de pagamentos. Segundo a revista Exame, o investimento fez a fintech crescer 80%.

Em 2019, foi outro investimento do mesmo fundo, de valor não divulgado, que transformou a fintech no primeiro unicórnio da Região Sul do país.

A startup tem operações no Brasil, México, Argentina, Colômbia, Chile, Peru, Equador e Bolívia, fornecendo mais de 100 opções de pagamentos locais para empresas globais que desejam expandir na América Latina.

No portfólio, estão mais de mil sites, como AliExpress, Wish, Ctrip, Cambly, Pipedrive, Airbnb e Spotify, com mais de 55 milhões de latino-americanos acessando as plataformas.