Fernando Okumura é o CEO da startup. Foto: Nilani Goettems - Divulgação Kekanto

O Kekanto, rede social de boca a boca online, remodelou a página dos usuários com o uso do recurso de grafo local, que agrega publicações pela localização.

O novo formato é uma compilação das avaliações, dos check-ins, das listas e das fotos dos locais frequentados por cada usuário.

Conforme o co-fundador e CEO da startup, Fernando Okumura, a ferramenta é uma espécie de “São Paulo por João”, “Nova York por Joseph” ou “Rio de Janeiro por Maria” como se cada usuário fosse autor do seu próprio guia da cidade.

Nesta nova fase do Kekanto, as informações são filtradas de modo que o leitor consiga identificar facilmente restaurantes, bares e outros estabelecimentos do usuário por meio de categorias.

“Acreditamos que seja possível conhecer melhor as conexões por meio dos lugares que ela frequenta ou serviços que ele recomenda”, diz.

O recurso foi criado totalmente pela própria empresa, que foi fundada por estudantes da USP e investida pela Accel Partners, fundo de Venture Capital do Vale do Silício, pela latino-americana Kaszek Ventures e a brasileira W7 Brazil Capital.

Segundo Okumura, o grafo local foi desenvolvido por 32 colaboradores, entre desenvolvedores, marketing e pesquisa.

O Kekanto tem sede em São Paulo e está presente em todas as cidades do Brasil, Argentina, Uruguai, Paraguai, Chile, Colômbia, México, Estados Unidos, Canadá, Portugal, Espanha, Itália, França e Austrália.