Cristiano Kanashiro, CEO da Kanamobi. Foto: Divulgação.

A Kanamobi, empresa de tecnologia criativa com foco em mobilidade, desenvolveu em parceria com a Pósitron, especializada em segurança automotiva, uma solução de internet das coisas (IoT) que permite que o alarme do carro seja ativado e desativado por celular ou wearable, via bluetooth.

O aplicativo integra o modelo de alarme Cyber PX 360BT, desenvolvido no Brasil. Com ele o usuário terá maior conectividade com o veículo e poderá realizar ações como travar o vidro, acionar o sistema de pânicO, avisar a central em caso de roubo e personalizar o som do disparo do alarme. 

“Agora tudo fica mais fácil. Basta ao motorista acessar o aplicativo no seu celular ou smartwatch”, afirma o gerente de vendas de aftermarket da PST, Alexandre Jordão.

A nova aplicação também possibilita ao cliente recursos como encontrar o carro por meio de geolocalização, os modos assalto por presença e assalto passivo por porta e ignição, controle remoto com sistema anticlonagem, liga/desliga o rádio pelo alarme e aviso sonoro de lanterna ligada. 

“Após pesquisa, reunimos todas as informações necessárias e reorganizamos todo o conteúdo com base no grau de importância e necessidade para o usuário a partir de suas principais funcionalidades. Toda a interface do aplicativo foi desenhada pensando em cada detalhe e utilização de suas funções de modo descomplicado”, afirma Cristiano Kanashiro, CEO da Kanamobi.

A tecnologia da linha Cyber 360 foi desenvolvida no período de um ano e meio pela equipe de engenheiros e técnicos da Pósitron da unidade de Campinas. O grupo foi responsável pela elaboração do projeto, passando pelos ajustes na linha de produção e testes para assegurar a qualidade e eficiência dos alarmes.

O alarme Cyber PX 360BT estará disponível nas lojas a partir da segunda quinzena de maio, com preço sugerido a partir de R$ 380.

A PST Electronics, detentora da marca Pósitron, é uma das principais fornecedoras de equipamentos para as montadoras de veículos na América Latina. 

A empresa desenvolve rastreadores, bloqueadores e alarmes para automóveis, motocicletas e caminhões, som automotivo, sensor de estacionamento, vidros e travas elétricas, painéis de instrumentos, além de alarmes e monitoramento residencial.

Com plantas em Campinas e Manaus, a companhia tem uma filial comercial na Argentina. Desde 1997, a PST Electronics tem como sócio o grupo norte-americano Stoneridge, com presença na Europa, Ásia e Américas.

A PST Electronics atingiu faturamento de R$ 50 milhões em 2015, o dobro do ano anterior.

Fundada em 2009 por Cristiano Kanashiro, a Kanamobi abriu neste ano um escritório nos Estados Unidos. A unidade fica em Fort Lauderdale, na Flórida.

Com uma média de crescimento de 30% nos últimos anos, a Kanamobi mais que dobrou essa taxa em 2016, após começar a atender clientes americanos, atingindo um incremento de 76% em seu faturamento. A empresa não divulga valores de receita.