CPFL usa tecnologia para ficar de olho na sua frota. Foto: Divulgação.

A CPFL Energia vai utilizar tecnologia da Creare Sistemas para monitorar o uso de 4 mil veículos da empresa, usados em quase 700 cidades das regiões Sul e Sudeste onde a CPFL opera. 

Agora, além dos dados de telemetria que indicam informações como aceleração, freadas e velocidades, sensores mostrarão quem está ao volante, ajudando no monitoramento e identificação dos funcionários condutores em qualquer situação.

"Além segurança, que é um valor inegociável para a CPFL, outros benefícios como a geração de dados que nos permitam diminuir custos com manutenção e combustível são muito atrativos na ferramenta", destaca Bruno Artioli, gerente de Planejamento e Operação de Frota do grupo CPFL.

É um contrato importante para a Creare, que numa tacada só quase dobrou a frota monitorada no segmento de utilities, chegando a 9 mil veículos. 

Outro cliente importante da empresa no segmento é a estatal gaúcha de saneamento Corsan.

A Creare foi fundada em 2012 a partir de uma spin off de uma área de negócios da AEL Sistemas.

Parte da gigante israelense de defesa Elbit, a AEL fabrica sistemas eletrônicos militares e espaciais, para aplicações em plataformas aéreas, marítimas e terrestres. 

Hoje, a Creare tem clientes como Suzano, Pepsico, JSL, Celulose Riograndense, Klabin, Monsanto e Syngenta.