VAREJO

Panvel lança programa de conexão com startups

15/07/2020 10:04

Rede de farmácias quer identificar ou co-criar soluções omnichannel aderentes ao seu negócio.

Fundada em 1973, a Panvel tem mais de 450 lojas e 6 mil colaboradores. Foto: divulgação.

Tamanho da fonte: -A+A

A Panvel, rede de farmácias focada na Região Sul do país, anunciou o lançamento de seu programa de conexão com startups, buscando identificar ou co-criar soluções aderentes ao seu negócio com empresas de todo Brasil.

O programa foi desenvolvido com a Simplez Consultoria, que também atua no gerenciamento do projeto. A captação acontece até o dia 9 de agosto e as inscrições podem ser realizadas no site do Panvellabs, laboratório de inovação da companhia.  

Nesta primeira edição do programa, a Panvel quer soluções voltadas para a recomendação de produtos e personalização de campanhas de ofertas para clientes em todos os seus canais de contato, dentro do conceito omnichannel, através da criação de modelos preditivos e uso de inteligência artificial.

As startups devem apresentar soluções já oferecidas no mercado e compatíveis para serem integradas à plataforma Omnipharma, software criado pela Panvel como base para seu chassi de serviços.

Desta forma, a ferramenta poderá utilizar ao máximo a estrutura de dados já existente, sem a necessidade de criar uma nova plataforma, gerando mais economia e acelerando a conexão entre a empresa e as startups. 

Após a seleção e avaliação das startups inscritas, haverá um Pitch Day, dia dedicado à dinâmica para as empresas apresentarem as suas soluções, que deve acontecer até 30 de agosto.

"Abrimos nossas portas para olhar o segmento de startups e entender como ele pode nos ajudar a atender melhor os nossos clientes”, explica Julio Mottin Neto, presidente do Grupo Dimed.

Segundo a Panvel, não haverá limite de quantas soluções poderão ser escolhidas.

“Além de atendermos nossa demanda, promovendo esse intercâmbio de conhecimento, as startups terão a oportunidade de firmar negócio com uma grande marca, como a Panvel. Isso agrega valor às soluções desenvolvidas para estas empresas conquistarem novas parcerias no mercado”, ressalta Alexandre Arnold, gerente executivo de TI do Grupo Dimed.

O programa de conexão com startups é uma das primeiras ações após a retomada do Panvellabs, realizada neste ano. Em 2020, o laboratório também já implementou a prescrição eletrônica, ferramenta que permite a apresentação de receitas de modo digital, facilitando o processo durante o período de pandemia.

A Panvel já teve experiências semelhantes anteriormente, como a que originou o chatbot que auxilia o cliente a comprar em seus canais digitais, incluindo site, aplicativo e redes sociais. 

Outra solução advinda de parceria com startups foram os lockers, armários inteligentes para resgate de compras sem a necessidade de entrar em lojas. Atualmente, a rede conta com mais de 20 unidades deste dispositivo.

Fundada em 1973, a Panvel tem mais de 450 lojas e 6 mil colaboradores no Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná e São Paulo. A empresa faz parte do Grupo Dimed, junto à distribuidora Dimed e ao Laboratório Lifar.

Somente no primeiro trimestre deste ano, o grupo teve um lucro líquido de R$ 16,4 milhões, o que representa um crescimento de 9,6% em relação ao mesmo período de 2019, além das vendas da companhia através dos canais digitais terem crescido 120%.

Veja também

APOSTA
Google vai investir US$ 10 bilhões na Índia

Empresa pretende dobrar a presença on-line dos indianos, que hoje é de 500 milhões de pessoas.

RITMO
Meta cresce 56%, mesmo com pandemia

Companhia manteve ritmo acelerado de crescimento e ainda contratou 432 profissionais.

APORTE
Warren levanta R$ 120 milhões

Rodada série B foi liderada pelo QED Investors, que tem empresas como Nubank e Loft no portfólio.

DIGITAL
Stefanini compra W3Haus

Gigante de TI brasileira faz sua maior aposta no nicho de comunicação digital até agora.

ELEVE
Totvs ataca mercado de startups de ERP

Nova oferta da gigante parece focada em competir com Omie, ContaAzul e Contabilizei.

INDÚSTRIA 4.0
WEG segue colecionando startups

Adquirida da vez é a BirminD, especializada em analytics para automação industrial.

STARTUP
Deskfy recebe aporte de R$ 1,3 milhões

Rodada de investimento foi liderada pela ACE e contou com Diego Gomes, CEO da Rock Content.

CONTRATAÇÃO
HeroSpark tem novo CTO

Com cerca de 14 anos de experiência, Sérgio Furlaneto vem da startup MadeiraMadeira.

SAÚDE
Unimed VTRP tem análise preditiva com Sharecare

Empresa foi selecionada em um programa de conexão da cooperativa com startups.

INOVAÇÃO
CDL POA procura startups de todo Brasil

Com foco em soluções para o varejo, três empresas serão premiadas em até R$ 30 mil.