Allan Edward, CTO da e-Xyon. Foto: divulgação

Tamanho da fonte: -A+A

A e-Xyon, especializada em tecnologia da informação para o mercado jurídico, migrou sua infraestrutura para a Google Cloud com consultoria da Ipnet, parceira da Google com sede no Rio de Janeiro.

Desde a fundação da e-Xyon, o operacional atuava em uma infraestrutura em hosting, utilizando diferentes provedores de data center, o que gerava problemas com imprevisibilidade sobre os prazos de utilização das tecnologias contratadas.

“Passávamos meses com uma infraestrutura sobrando, pagando por algo que não estava usando. No momento em que eu tinha que cobrar mais caro do meu cliente para considerar algum crescimento, eu acabava perdendo competitividade por ter uma infraestrutura com pouca flexibilidade”, conta Allan Edward, Chief Technology Officer (CTO) da e-Xyon.

Ao todo, foram transferidos 54 Terabytes em arquivos em um mês, em oposição aos três meses usuais. Para manter a integridade dos dados e evitar afetar a operação e os serviços oferecidos aos clientes, a tarefa foi executada fora do horário comercial.

No início das atividades, a empresa percebeu que os advogados ficaram muito desconfortáveis com o fato de que as informações de sua organização estariam armazenadas na internet. 

“Nosso objetivo sempre foi deixar o advogado pura e exclusivamente voltado à análise jurídica, não ao dia a dia operacional interno. Oferecemos ao mercado um framework que consegue fazer todo esse trabalho operacional, para que o advogado se concentre exclusivamente na atividade central dele”, ressalta Edward.

Agora, a equipe da empresa afirma realizar melhor gestão financeira dos recursos de acordo com as demandas do negócio, estando mais ágil na criação de novos ambientes.

Através da migração, a lawtech registrou economia de 35% nos investimentos em infraestrutura e aponta ter ganho flexibilidade, autonomia e condições para a equipe de TI implementar inovações. 

“Não trabalhamos mais com sobra. Com a nuvem, passamos a utilizar tudo o que pagamos, com o diferencial de ter a estrutura toda do Google Cloud disponível de forma praticamente imediata para qualquer incremento adicional que seja necessário”, destaca Renata Mello, gestora de infraestrutura da e-Xyon.

Fundada em 2001, a e-Xyon foi a primeira a oferecer um software para gestão jurídica e um para recuperação de crédito em modelo de arquitetura cloud computing para o departamento jurídico e escritórios de advocacia, no mesmo ano. 

Hoje, a empresa emprega 150 funcionários em seus três escritórios, localizados no Rio de Janeiro, São Paulo e Distrito Federal. Entre seus clientes, estão a Universidade Veiga de Almeida (UVA), Ibmec, Supervia e U&M.

Já a Ipnet está no mercado desde 2002, oferecendo soluções de produtividade do Google Workspace, serviços da Google Cloud Platform e estratégias para empresas.