O Desafio Méliuz é uma oportunidade para aceleração de empresas. Foto: Rawpixel/Shutterstock.com

O Méliuz, portal de cupons de descontos online gratuitos e cashback, anuncia o Desafio Méliuz,  que tem o intuito de fomentar o empreendedorismo digital no Brasil. O vencedor da competição ganhará um prêmio de R$ 50 mil e mentorias mensais da equipe da empresa durante cinco meses.

O Desafio Méliuz é uma oportunidade para empreendedores acelerarem suas empresas. 

“Passamos por muitas dificuldades até consolidarmos o Méliuz no Brasil. Agora gostaríamos de ajudar outras pessoas”, afirma Israel Salmem, cofundador do Méliuz.

As inscrições começam dia 15 de outubro e os interessados deverão acessar o site do Méliuz e cadastrar o seu projeto. 

O desafio está aberto para qualquer tipo de empreendedor, desde empresas nascentes, até as em estágios mais avançados, além de blogueiros, que também podem participar do programa.

A primeira etapa do desafio será até o dia 30 de outubro, período para o recebimento de inscrições e seleção dos aprovados. 

Cada empreendedor terá um perfil com a descrição do projeto, sua história e vídeo de apresentação dentro do site do Méliuz. O público poderá votar nas empresas que mais gostarem na plataforma

A seleção para a segunda etapa será feita com base em três critérios:

Capacidade de execução dos envolvidos no projeto, levando em conta o histórico pessoal e profissional dos empreendedores;

O potencial de geração de valor para a sociedade, mercado ou governo, caso a ideia se concretize;

E a posição do projeto no ranking da votação popular.

Na segunda etapa, 10 finalistas terão a oportunidade de falar mais sobre sua história e projetos no site do Desafio Méliuz. Os critérios para definir o vencedor serão os mesmos da primeira etapa e a divulgação do vencedor será feita no dia 14 de janeiro de 2015.

Fundado em setembro de 2011, o Méliuz inciou a plataforma com 19 lojas parceiras e hoje soma mais de 1.200, entre elas Submarino, Saraiva, Casas Bahia, Walmart, Ricardo Eletro e Magazine Luiza. Em 2013, a empresa gerou mais de R$ 5 milhões em economia aos cerca de 100 mil usuários da plataforma, ultrapassando a meta prevista de R$ 3 milhões.