A Prati-Donaduzzi investiu na estruturação de um novo data center em Toledo. Foto: Divulgação.

A indústria farmacêutica Prati-Donaduzzi, produtora de medicamentos genéricos, investiu na estruturação de um novo data center em Toledo - cidade do oeste do Paraná onde está localizada a sede da empresa. A companhia selecionou equipamentos da IBM para o projeto, desenvolvido com apoio da Trade Technology.

O investimento, superior a R$ 3,2 milhões, foi destinado a elevar a capacidade de sua estrutura de tecnologia da informação.

Com dois data centers, a novidade do projeto foi permitir a redundância de dados e a alta disponibilidade dos serviços de infraestrutura de tecnologia da informação da empresa.

O novo espaço dará sustentação ao crescimento acelerado registrado pela indústria nos últimos anos e visa atender às projeções de expansão dos negócios.

A comunicação com o data center já existente será por meio de uma dupla conexão mantida por fibra óptica, o que garante a velocidade de tráfego de dados.

O novo data center conta com equipamentos, servidores e softwares da IBM. Além disso, ele recebeu um sistema de climatização industrial de alto desempenho para manter a temperatura e a umidade estáveis.

Com o projeto, a empresa busca a centralização na administração da infraestrutura, virtualizando os servidores entre os data centers, com uma solução de tolerância a falha para o ambiente de armazenamento, através do IBM Spectrum Virtualize, uma solução de software-defined storage, que, associado ao IBM Storwize V7000 GEN2, sustentará o crescimento da Prati-Donaduzzi.

A Prati-Donaduzzi, indústria farmacêutica especializada no desenvolvimento e produção de medicamentos genéricos e similares, tem mais de 4 mil colaboradores. A empresa produz, em média, 12 bilhões de doses terapêuticas por ano.