EDUCAÇÃO

São Paulo distribui 750 mil chips para alunos e professores

15/10/2020 09:17

Conexão à internet vai chegar pelo menos oito meses após a interrupção das aulas presenciais.

Foto: Governo do Estado de São Paulo.

Tamanho da fonte: -A+A

O Governo do Estado de São Paulo anunciou um investimento de R$ 75 milhões em 12 meses para prover acesso à internet ao ensino remoto da rede estadual, distribuindo 750 mil chips de celular para alunos, professores e servidores.

Na coletiva de imprensa em que o projeto foi anunciado, o governo não informou de qual operadora serão os chips nem como a compra será realizada.

Serão 250 mil unidades destinadas a professores e servidores, com 5GB mensais de internet e acesso a ligações e mensagens de SMS. Já os 500 mil chips para os alunos terão 3GB mensais de internet. 

A ação será direcionada aos estudantes do 8º e 9º anos do ensino fundamental e de todas as séries do ensino médio que estejam em situação de pobreza e extrema pobreza no Cadastro Único do Governo Federal.

“Vamos dar o suporte necessário aos alunos que mais precisam e diminuir a evasão escolar”, destacou João Doria, governador do estado de São Paulo.

Os chips serão distribuídos nas diretorias de ensino e escolas entre os meses de novembro e dezembro, pelo menos oito meses após a interrupção das aulas presenciais, que aconteceu em 16 de março.

Em outro programa, a Secretaria de Estado da Educação vai subsidiar a compra de 161 mil computadores para professores e coordenadores pedagógicos. 

Para cada profissional, serão oferecidos até R$ 2 mil, a serem pagos em até 24 parcelas na conta bancária do docente. O investimento total do projeto será de R$ 322 milhões ao longo de dois anos.

A adesão à iniciativa será a partir de novembro e vale para servidores que cumprirem as condicionalidades de presença e formação. Em uma próxima etapa, o programa Professor Conectado deve contemplar diretores e outros profissionais do magistério.

Veja também

CAMPUS
Agibank transfere sede para São Paulo

Fintech aposta em nova base em Campinas. Parte da operação segue em Porto Alegre.

ESPAÇO
Amazon tem novo CD em São Paulo

Com 100 mil metros quadrados, CD de Cajamar é o maior já construído pela empresa no país.

VELHO NORMAL?
Facebook aposta em novo prédio em São Paulo

Empresa alugou 30% de edifício que pode custar até R$ 200 por metro quadrado.

PANDEMIA
IBM oferece consultoria gratuita para São Paulo

Funcionários da empresa estão fazendo mais de 26 mil horas de voluntariado na América Latina.

COVID-19
São Paulo libera reabertura de escritórios

O funcionamento já estava liberado na capital paulista, mas agora é possível atender ao público.

SOCIAL
São Paulo digitaliza entrega de refeições com Microsoft

Por meio do Power Apps, Prodesp criou aplicativo para cadastro de moradores de rua.

ECONOMIA
São Paulo anuncia retomada gradual

A partir de 1º de junho, estado é dividido em regiões de acordo com a gravidade da situação.

COVID-19
São Paulo prorroga quarentena até 31 de maio

Somente os serviços essenciais permanecem autorizados a funcionar no estado.

FEIRA
São Paulo terá evento sobre nova mobilidade

Carros elétricos e cidades inteligentes serão temas do E-Mob, marcado para novembro.

EDUCAÇÃO
São Paulo paga auxílio merenda com PicPay

Serão mais de R$ 80 milhões para a alimentação de 32 mil estudantes durante pelo menos dois meses.