Aldo Garcia.

A Betha, empresa de sistemas para gestão pública sediada em Criciúma, Santa Catarina, fechou o ano passado com um faturamento de R$ 62 milhões, uma alta de 8% frente aos resultados de 2014.

O crescimento foi cerca da metade do registrado entre 2013 e 2014, quando a companhia cresceu 18% e chegou aos R$ 57 milhões. Para este ano, a Betha pretende retomar o ritmo e aumentar o faturamento em 17%.

Atuante em 892 municípios de 21 estados brasileiros, a Betha Sistemas geriu somente em 2015, um montante de R$ 23 bilhões em orçamentos de órgãos públicos como prefeituras e fundações municipais. 

A Betha fechou o ano com 521 colaboradores diretos locados na matriz em Criciúma e nas sete filiais, um total de 3.865 clientes e 347 mil usuários.

Entre os produtos que facilitam a rotina da gestão pública estão o Planejamento, Contabilidade, Tesouraria, Cidadão Web, Tributos, Folha, Ponto, e-Nota Fly, entre outros. 

A Betha Sistemas encerrou 2015 com 36 produtos em seu portfólio sendo que para 2016 o grande objetivo é migrar o restante dos sistemas desktop para plataforma web.  

“Sabemos que não é um conceito novo, principalmente pra nós, pois iniciamos este processo em 2009, mas migrar uma carteira do tamanho da nossa requer muito planejamento e investimento”, afirma o diretor de Produtos e Serviços da Betha Sistemas, Aldo Garcia.