Sysmo é forte em supermercados.

A Sysmo, empresa especializada em sistemas de gestão para varejo e distribuição sediada em São Miguel do Oeste, Santa Catarina, fechou um acordo com a Systax para integrar a solução de inteligência fiscal da companhia paulista ao seu produto.

O acordo beneficia os cerca de 700 clientes da Sysmo, donos de um total de 1,4 mil lojas, boa parte delas concentrada em Santa Catarina e no Rio Grande do Sul.

“Vamos oferecer à nossa atual carteira de clientes e também ao mercado um recurso inteligente, seguro e que gere maior tranquilidade para enfrentar o que realmente exige a nossa complexa legislação tributária, nos diversos níveis de cadastros e movimentação de produtos”, afirma o diretor administrativo da Sysmo, Miguel Bocalon.

Além da sede em São Miguel do Oeste, a empresa tem ainda uma filial em Itajaí e canais nas catarineses Chapecó, Fraiburgo e Itajaí; nas gaúchas Passo Fundo e Porto Alegre; em Curitiba, Uberlândia e Brasília.

 

Esse é o segundo acordo fechado recentemente pela Systax em Santa Catarina. Em setembro, a empresa fechou uma parceria do tipo com a A Gôndola, especializada em gestão para supermercados, dona de uma carteira de 150 clientes.

As companhias locais tem seus motivos para buscar apoio na área tributária. A Secretaria da Fazenda de Santa Catarina começou a usar um software chamado Olho Mágico para filtrar inconsistências nas declarações de ICMS.

A novidade identifica se o produto registrado no emissor de cupom fiscal (ECF), na boca do caixa, está classificado de acordo com o previsto na legislação tributária.

Muitos supermercados praticam “enganos” propositais, como classificar carne bovina, que paga ICMS de 12%, como “outras carnes”, que pagam 7%.

Outras tantas vezes, no entanto, pequenas redes simplesmente não conseguem acompanhar todas as mudanças das regras tributárias.

A Systax é uma das maiores empresas especializadas no acompanhamento do gigantesco e constantemente em mutação sistema tributário nacional, com mais de 1 milhão de regras no seu banco de dados.

A empresa tem hoje clientes como Decathlon, Henkel, Avon,Gerdau, Telhanorte e Cinemark usando sua solução integrada aos seus ERPs.

A empresa mantém uma base de dados com 1,5 milhão de regras fiscais estaduais, federais e municipais, abrangendo ICMS, ICMS-ST, PIS, COFINS e IPI.