HP lança a Gram, seu novo filhote, para o mundo. Foto: flickr.com/photos/fantastrid

A HP anunciou nesta semana a criação de uma nova marca, a Gram, resultado do desmembramento da webOS, sistema operacional herdado pela HP com a compra da Palm. Os planos sobre o spin off vazaram em um memorando interno assinado por um dos vice-presidentes da companhia, Martin Risau, na terça-feira.

A Gram, segundo o comunicado, é uma "nova companhia para alavancar as forças do webOS, Enyo e ofertas na nuvem, bem como o poder dos parceiros de criar uma tecnologia para viabilizar a liberdade da internet".

A marca será uma entidade independente da HP, embora fundada pela companhia. Isso permitirá a criação de fluxo de caixa para a empresa recém-criada, sem depender do desempenho da marca mãe.

A Gram terá foco total em softwares e solução. "Não somos mais uma marca de hardware para consumidores, somos uma empresa diferente com foco em software, experiência do usuário, nuvem, engenharia e parcerias", diz um e-mail enviado aos empregados da unidade.

O texto também encoraja as pessoas a mencionarem a marca a clientes, família, amigos e conhecidos, para consolidar a Gram no marketing boca a boca.

Com este comunicado, consolida-se de vez a idéia de que a HP deixou pra trás os tempos de ser apenas uma companhia que produz estritamente máquinas.

Notícias de um spin off do WebOS vem há algum tempo antes de o sistema operacional ganhar uma versão de código aberto, que o colocaria como um competidor direto do Android, da Google, no ambiente de smartphones e tablets. A expectativa é que o produto open source seja lançadol em setembro.