Com solução da SAP, a Fibria identifica fatores que interferem no desenvolvimento dos eucaliptos. Foto: Divulgação.

A Fibria, líder mundial na produção de celulose de eucalipto, adotou as ferramentas SAP Predictive Analytics rodando na plataforma de processamento de dados em tempo real Hana.

Fundada em 2009 a partir da fusão da Aracruz e da Votorantim Celulose e Papel (VCP), a Fibria está presente em 242 municípios brasileiros. A consolidação da empresa exigiu um processo de sinergia das operações, envolvendo desde a estratégia de negócios até a otimização da infraestrutura de tecnologia da informação, além da implementação de projetos de big data. 

“A Fibria é uma empresa que nasceu conectada e automatizada. Depois de unificar as estruturas de TI, passamos a determinar como a tecnologia de análise de dados poderia otimizar os processos de negócios da companhia”, relata Wilson Lopes, gerente geral de Tecnologia de Informação da Fibria. 

Segundo o executivo, a companhia buscava uma solução que permitisse fazer análises de grandes volumes de dados, ajudando a suportar os projetos e os investimentos realizados até ali. 

Em conjunto com a consultoria Ernst & Young, a empresa criou Fóruns de Negócios Estratégicos de TI para determinar quais as áreas de negócios com maior maturidade para lidar com analytics sob o conceito de big data. 

“Foram identificados 26 projetos que poderiam tirar proveito com esse perfil, trazendo maior retorno para o negócio”, conta Lopes.

Em 2015, a Fibria adotou a solução SAP Predictive Analytics rodando em Hana, e passou a trabalhar inicialmente nos projetos de seu Centro de Tecnologia, que desenvolve projetos como o desenvolvimento de novos clones de eucalipto e melhores práticas de manejo florestal. 

“Um dos desafios é antecipar o conhecimento sobre as causas e efeitos de anomalias sobre os plantios provocadas pelas mudanças do clima e nortear ações para minimizar os impactos sobre a produtividade dos plantios”, relata Robert Sartório, gerente de manejo florestal e recursos naturais do CT da Fibria. 

Com a solução SAP Predictive Analytics, a Fibria pôde identificar previamente os fatores e variáveis que interferiam no desenvolvimento dos eucaliptos.

“Mapeamos fontes de dados, entendemos as variáveis, fizemos correlações com dados de clima e assim reduzindo o impacto climático em nossas florestas”, completa.

A solução analítica da SAP também foi implementada para dar andamento ao projeto industrial da empresa.

A ferramenta analisou quase 1,6 bilhão de registros e mais de 654 variáveis para ajudar a identificar os melhores ajustes e configurações para os digestores da Fibria, equipamentos utilizados para transformar a madeira em pasta celulósica, matéria-prima para a fabricação da celulose branqueada de eucalipto, matéria-prima usada para a produção de vários tipos de papéis.

“O projeto da Fibria foi o primeiro case de Analytics utilizando a solução SAP Predictive Analytics na plataforma Hana no Brasil, e o primeiro na área de celulose no mundo”, destaca Valeria Soska, vice-presidente de vendas da SAP Brasil. 

O gerente geral de TI da Fibria destaca as 654 variáveis organizadas em 735 milhões de registros em apenas 27GB de Hana; a inclusão das principais variáveis nos planos estatísticos de processo e uma maior compactação de dados proporcionada pela plataforma HANA.

A Fibria está presente em sete estados brasileiros e tem capacidade de produção de 5,3 milhões de toneladas anuais em suas fábricas de Três Lagoas (MS), Aracruz (ES), Jacareí (SP) e Eunápolis (BA). Em 2015, a empresa faturou R$ 10,081 bilhões.