O primeiro carro comercializado pelo chatbot da Nissan foi um Nissan Kicks. Foto: Divulgação.

A Nissan contratou a startup Prometheus para vender carros em escala comercial com recursos de inteligência artificial no Brasil. O projeto, batizado Nissan Pre-Trail, utiliza um chatbot para contato com os clientes.

Além de atender aos consumidores atraveś do chat, a Nissan já vende carros no país totalmente sem intervenção humana, usando apenas os recursos da inteligência artificial. O primeiro carro comercializado desta forma foi um Nissan Kicks.

O sistema foi desenvolvido em conjunto com a Prometheus, criadora da plataforma Laura, que usa tecnologia cognitiva para analisar os dados vitais de pacientes e fazer a identificação precoce dos riscos de infecção hospitalar. Após o desenvolvimento focado em hospitais, a solução foi adaptada para outros segmentos de mercado.

O robô foi desenvolvido para prevenir a sepse, reação desregulada ou exagerada do sistema imunológico a uma infecção e que provoca uma disfunção orgânica. A plataforma utiliza computação cognitiva para fazer a gestão dos processos, possibilitando que o sistema aprenda e tome decisões baseado em dados, o que pode ser aplicado em diversos setores.

Com a evolução do projeto, a empresa passa a entender cada vez mais os hábitos dos usuários abertos ao uso de novas tecnologias, o que abre portas para novos serviços e produtos. 

A partir da parceria comercial e do aprendizado gerado pelo sistema do projeto Nissan Pre-Trail, a Startup Prometheus consegue acelerar o crescimento da ferramenta social da Laura, utilizada em hospitais.

"A Laura trabalha em tempo real analisando todo o hospital no intervalo de 3.8 segundos para identificar quais são os pacientes que estão em risco. Meu objetivo é crescer e levar essa tecnologia de ponta acessível e eficiente para toda a saúde, no Brasil e no mundo", afirma Jacson Fressatto, fundador da empresa.

A Nissan está presente no Brasil desde 2000 e opera hoje com mais de 170 concessionárias em todos os estados do país.

A empresa investiu R$ 2,6 bilhões na construção de seu Complexo Industrial próprio em Resende, no estado do Rio de Janeiro. Esta unidade industrial foi inaugurada em abril de 2014 e tem a capacidade de produzir 200 mil carros e 200 mil motores por ano. 

Hoje, a unidade industrial fabrica o Nissan March, o Nissan Versa e o Nissan Kicks, além dos motores flexfuel 1.0 12V e 1.6 16V. A Nissan tem cerca de 2,4 mil funcionários no Brasil.